Presidente ponte preta

Divulgação

RADAR
11/12/2017
21:24
Campinas (SP)

José Armando Abdalla Junior foi eleito presidente da Ponte Preta nesta segunda-feira pelos Conselheiros, em uma reunião solene realizada no Majestoso. O dirigente ficará no comando executivo da Macaca de 2018 a 2021.

O conselheiro Sebastião Arcanjo, o Tiãozinho, foi eleito primeiro vice-presidente e Hélio Kazuo, voltará a ocupar o cargo de segundo vice-presidente no novo mandato. Já a Mesa do Conselho Deliberativo terá Tagino Alves dos Santos como presidente.

Valnderlei Pereira finalizando seu mandato como presidente do clube neste mês, mostrou confiança em Abdalla e elogiou o dirigente.

- Tenho certeza que a Ponte fica em boas mãos, pois o Abdalla foi presidente do Conselho por uma década, é uma pessoa íntegra, competente e com ampla experiência, além de ser um apaixonado pela Ponte Preta, como todos nós - afirmou Vanderlei.

Eleito, Abdalla adiantou que a prioridade em seu primeiro ano de gestão é o futebol da Ponte. Ele revelou também que pretende investir nos talentos da Base.

- O futebol é prioridade, não resta dúvida. Vamos fazer um bom campeonato Paulista e no Brasileiro da série B subir é consequência: nosso objetivo é título. Acredito que devemos fazer um time mesclado com a Base, incrementando um pouco mais e voltando às origens da Ponte, quando os times eram feitos em casa. Este plantel mesclado faz parte da história da Ponte Preta e temos que aproveitar o crescimento da nossa Base. Claro que isso tem que ser feito sem queimar etapas, com calma e planejamento, mas acredito que este é o caminho.

Aos 71 anos, José Armando Abdalla Júnior, formado em Odontologia, é conselheiro nato e trabalha como servidor público de Campinas, na Secretaria de Esportes. Visando os novos desafios na Macaca, o presidente eleito pretende deixar o emprego atual.

- Já solicitei minha aposentadoria, afinal já completei mais de 40 anos trabalhando para a Prefeitura e, nos próximos quatro, quero ter o maior foco possível na Ponte Preta - concluiu.