Fellipe Lucena
28/11/2016
07:05
São Paulo (SP)

Gabriel Jesus dirá “adeus” – ou talvez “até logo” – ao Palmeiras antes de completar cem jogos pelo clube, mas com muitas experiências na bagagem. Promovido de forma definitiva ao elenco profissional por Oswaldo de Oliveira após a Copa São Paulo Júnior de 2015, o artilheiro jogará no Manchester City a partir de janeiro e levará na bagagem dois títulos nacionais pelo Verdão.

Se a Copa do Brasil do ano passado serviu para mostrar que a promessa já havia virado realidade, o Brasileirão deste ano foi o torneio que o transformou em um dos principais jogadores brasileiros da atualidade. O primeiro turno arrasador, com dez gols marcados, o levou para a Olimpíada. De lá, voltou com a medalha de ouro e com uma vaga assegurada na Seleção Brasileira principal, onde mostrou mais uma vez que não precisa de muito tempo para começar a brilhar: marcou cinco gols nos seis primeiros jogos e se firmou como camisa 9 titular de Tite.

Já carregando o peso de ser o atleta mais visado do Palmeiras aos 19 anos, Jesus experimentou a cobrança ao passar seis jogos sem balançar a rede no segundo turno do Brasileiro – contando a Copa do Brasil, o jejum chegou a oito. A bola não entrava, mas o jovem deu diversas demonstrações de dedicação ao clube, mesmo já negociado com o futebol europeu. Ele tornou-se passageiro frequente do jato de Paulo Nobre para conseguir voltar rápido da Seleção e defender o time de Cuca.

O choro na comemoração do gol contra o Galo, que o tirou da seca, era o prenúncio da emoção que viria com o adeus. Para alegria da torcida, o meteoro vai embora campeão. Se não entrar em campo na última rodada, contra o Vitória, Jesus irá se despedir com 28 gols em 85 jogos pelo time principal.

OS GOLS NO BRASILEIRÃO

Apenas um clube tomou gols de Gabriel Jesus nos dois turnos: justamente o principal concorrente ao longo da campanha, o Flamengo. O atacante marcou o primeiro na vitória por 2 a 1, na 5ª rodada, no Mané Garrincha, e arrancou ponto fundamento no returno ao marcar no fim no 1 a 1, no Allianz Parque. O atacante balançou a rede em seis estádios diferentes no Brasileirão. O palco principal, claro, foi o Allianz Parque. Reveja os gols do craque:

1º rodada - Palmeiras 4x0 Atlético-PR - Allianz Parque - dois gols


5ª rodada - Palmeiras 4x3 Grêmio - Pacaembu - um gol


6ª rodada - Flamengo 1x2 Palmeiras - Mané Garrincha - um gol


10ª rodada - Palmeiras 2x0 América-MG - Allianz Parque - dois gols


​11ª rodada - Cruzeiro 2x1 Palmeiras - Mineirão - um gol


​12ª rodada - Palmeiras 4x0 Figueirense - Allianz Parque - dois gols


13ª rodada - Sport 1x3 Palmeiras - Ilha do Retiro - um gol


25ª rodada - Palmeiras 1x1 Flamengo - Allianz Parque - um gol


36ª rodada - Atlético-MG 1x1 Palmeiras - Independência - um gol