RADAR / LANCE!
15/06/2016
10:29
Rio de Janeiro (RJ)

A equipe de natação feminina do Brasil corre risco de ter o desfalque de uma de suas principais esperanças de medalha na Rio-2016. Segundo informações do UOL Esporte, nesta quarta-feira a nadadora Etiene Medeiros foi flagrada no exame antidoping, e o exame de contraprova também deu positivo.

Segundo apuração do site, a substância proibida apareceu em função da utilização de um medicamento para asma. A divulgação oficial do caso será detalhada em algumas horas pela Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos (CBDA).

O advogado Marcelo Franklin, que é especialista na defesa de casos de doping, vai elaborar sua defesa. Etiene corre o risco de ficar de fora dos Jogos Olímpicos, dependendo da data do exame realizado e do resultado do julgamento.


A nadadora tem a expectativa de disputar três provas na Rio-2016: 100m costas, 50m e 100m livre, pode ficar de fora da competição, dependendo da data do julgamento. Etiene tem em seu currículo os ouros Mundial de Doha de 2014, com recorde mundial nos 50m costas (25s67) e no revezamento 4x50 medley, além do bronze no revezamento 4x50 livre. No ano seguinte, foi a primeira mulher a levar o ouro em um Pan-Americano, na categoria 100m costas.