icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/08/2015
19:21

A notícia que Miesha Tate não seria a próxima adversária de Ronda Rousey, pelo cinturão dos galos, sendo preterida por Holly Holm, pegou muitos de surpresa. A própria americana pareceu não acreditar na notícia confirmada pelo presidente Dana White, ao programa "Good Morning America".

Através das redes sociais, a "Cupcake" não escondeu a tristeza e a decepção de não ser a desafiante pelo título. A lutadora fez questão de revelar que já tinha sido comunicada pelo Ultimate que enfrentaria a número um dos galos no seu próximo combate e adiantou que já tinha até iniciado seus treinamentos todos voltados para Rousey.

- Estou extremamente desapontada em relação a como todos os acontecimentos se desdobraram esta manhã com a notícia de que não vou estar enfrentando Ronda Rousey. Me foi dito depois da minha última vitória que eu tinha conquistado a chance pelo título. Eu já comecei a treinar para Rousey e fiquei chocada ao ouvir o anúncio nesta manhã. Eu reclamo não apenas por mim, mas pelo meu time, patrocinadores e os fãs que gostam de mim e acreditaram que a minha próxima luta era pelo título - escreveu a lutadora, que vem de quatro vitórias seguidas.

Miesha Tate e Ronda Rousey já se enfrentaram duas vezes, com a campeã do Ultimate saindo vitoriosa em ambas ocasiões. No entanto, Tate foi a única atleta que sobreviveu além do primeiro round, já que foi superada na terceira parcial, no UFC 168, em dezembro de 2013.

A notícia que Miesha Tate não seria a próxima adversária de Ronda Rousey, pelo cinturão dos galos, sendo preterida por Holly Holm, pegou muitos de surpresa. A própria americana pareceu não acreditar na notícia confirmada pelo presidente Dana White, ao programa "Good Morning America".

Através das redes sociais, a "Cupcake" não escondeu a tristeza e a decepção de não ser a desafiante pelo título. A lutadora fez questão de revelar que já tinha sido comunicada pelo Ultimate que enfrentaria a número um dos galos no seu próximo combate e adiantou que já tinha até iniciado seus treinamentos todos voltados para Rousey.

- Estou extremamente desapontada em relação a como todos os acontecimentos se desdobraram esta manhã com a notícia de que não vou estar enfrentando Ronda Rousey. Me foi dito depois da minha última vitória que eu tinha conquistado a chance pelo título. Eu já comecei a treinar para Rousey e fiquei chocada ao ouvir o anúncio nesta manhã. Eu reclamo não apenas por mim, mas pelo meu time, patrocinadores e os fãs que gostam de mim e acreditaram que a minha próxima luta era pelo título - escreveu a lutadora, que vem de quatro vitórias seguidas.

Miesha Tate e Ronda Rousey já se enfrentaram duas vezes, com a campeã do Ultimate saindo vitoriosa em ambas ocasiões. No entanto, Tate foi a única atleta que sobreviveu além do primeiro round, já que foi superada na terceira parcial, no UFC 168, em dezembro de 2013.