lyoto

A luta entre Lyoto Machida e Dan Henderson foi cancelada após a confissão do brasileiro - (Foto: Divulgação UFC)

LANCE!
13/04/2016
20:23
Rio de Janeiro (RJ)

Ex-campeão dos meio-pesados do UFC, Lyoto Machida admitiu ter usado uma substância proibida durante a coleta de um teste fora de competição, realizado na última semana e sua luta contra Dan Henderson, que aconteceria neste sábado (16), em Tampa (EUA) foi cancelada.

Segundo um comunicado emitido pela organização do UFC, o brasileiro não sabia que a substancia era proibida. Rival de Lyoto, Dan Henderson demonstrou toda sua ira em uma rede social. - Pedaço de m... Não tenho respeito – escreveu Hendo.

Confira abaixo o comunicado completo do UFC a respeito do doping de Lyoto:

A organização do UFC foi notificada nesta quarta-feira (13) pela Agência Antidoping dos Estados Unidos (USADA), a administradora independente da Política Antidoping do UFC, que Lyoto Machida declarou o uso de uma substância proibida durante a coleta de uma amostra para teste fora de período de competição na semana passada.

Machida afirmou não saber que a substância era proibida para uso tanto dentro quanto fora do período de competição e, de acordo com a Política Antidoping do UFC, a admissão do uso será levada em consideração pela USADA durante qualquer potencial processo de gestão de resultados e adjudicação.

Perante esta informação, o UFC decidiu remover Machida de sua luta contra Dan Henderson, que estava marcada para este sábado (16) em Tampa, na Flórida (EUA). Henderson terá uma nova luta marcada em um futuro próximo.

A maré não está favorável para Lyoto, que vem de dois reveses consecutivos, para Yoel Romero e Luke Rockhold, por nocaute e finalização, respectivamente.