UFC

                 No cartaz que divulga a União a frase diz: 'Agora é tempo de mudança' - (Foto: divulgação)

LANCE!
11/08/2016
15:00
Rio de Janeiro (RJ)

Não é de hoje que muitos lutadores vem debatendo a necessidade da criação de uma associação para defender os seus direitos. E, nessa quinta-feira (11), o desejo dos atletas se concretizou, já que foi fundada a Associação Profissional de Lutadores, que tem como ideal formar uma união para ajudar os atletas do UFC.

A Associação ainda precisa da aprovação da Lei Nacional das Relações de Trabalho dos Estados Unidos, mas já conta com o apoio de diversos sindicatos, como a NFL (Liga Nacional de Futebol Americano), MLS (Liga Nacional de Futebol) e MLB (Liga de Baseball). 

Entre os líderes do grupo, estão nomes influentes no meio como o agente veterano de baseball, Jeff Borris, o advogado Lucas Middlebrook e o economista Andrew Zimbalist. 

Confira abaixo release divulgado pela Associação Profissional de Lutadores:

O objetivo da PFA (sigla em inglês) é organizar esses atletas que trabalham duro para que eles, coletivamente, possam barganhar seus termos e condições empregatícias de acordo com a Lei Nacional das Relações de Trabalho.

A PFA não será apenas uma União de lutadores e vai ser administrada somente por lutadores. São eles que vão controlar os seus próprios destinos. A balança pesou a favor do UFC por muito tempo. Chegou a hora dos lutadores, que são responsáveis pelo sucesso da companhia, receberem a sua parte justa.