Internacional x São José-RS
LANCE!
16/04/2016
18:22
Porto Alegre (RS)

Nada de gols no Estádio Beira-Rio. Neste sábado, Internacional e São José abriram as semifinais do Campeonato Gaúcho e não saíram do 0 a 0. O time de Argel Fucks teve mais a bola, mas não foi capaz de superar a defesa do Zequinha, a melhor do Estadual, e terminou o jogo sob vaias da torcida.

A decisão da vaga na final do Campeonato Gaúcho ficou para o próximo sábado. No Estádio Passo D'Areia, o São José recebe o Internacional, às 18h30. O empate com gols no duelo de volta dará a vaga ao Colorado, enquanto um novo 0 a 0 leva a decisão para os pênaltis. Quem vencer, garante vaga na final. 

A tensão da partida começou antes mesmo de a bolar rolar no Beira-Rio. Na manhã deste sábado, o TJD-RS indeferiu o recurso do São José, que buscava derrubar o efeito suspensivo concedido ao lateral-direito William. Com o recurso negado pelo TJD-RS, o jogador seguia com condições de atuar;

Porém, minutos antes do jogo, o STJD aceitou o recurso do Grêmio, retirou o efeito suspensivo e o lateral-direito ficou fora do confronto. Este foi o terceiro jogo cumprido por William da punição de seis jogos por conta da cotovelada desferida em Miller Bolaños, do Grêmio, no dia 6 de março.

Na outra semifinal, Grêmio e Juventude só entram em campo na próxima quinta-feira. O primeiro jogo será no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, às 21h30. A volta será na Arena, em Porto Alegre, às 16h do próximo domingo, dia 24.

ZEQUINHA PASSA PRIMEIRO TEMPO SEM SUSTO

Dentro da estratégia traçada por China Balbino, o São José superior na primeira etapa. Com posse de bola menor, o Zequinha ofereceu mais perigo ao gol de Alisson. Em jogadas bem trabalhadas, Jô e Rafinha tiveram boas condições de marcar, mas as finalizações saíram rentes às traves da meta do Colorado.

O time de Argel Fucks, por sua vez, foi para o intervalo sem criar uma grande jogada. Apesar de ocupar o campo de ataque, o Colorado não conseguiu penetrar na defesa do São José, a melhor do Gauchão. Em cobrança de falta, Fernando Bob apareceu livre dentro da pequena área, mas cabeceou para fora.

INTER CRESCE NO FIM, MAS SASHA PARA EM FÁBIO

A bola alçada na área adversária seguiu sendo a única alternativa do Inter no início da etapa final, e logo a torcida presente no Beira-Rio perdeu a paciência e começou a vaiar o time de Argel Fucks, que pôs Alisson Farias no lugar de Aylon.

A partir dos 20 minutos o Internacional cresceu e as chances começaram a aparecer, de ambos os lados. O São José teve o contra-ataque à disposição algumas vezes, mas errou o passe decisivo. Para o Inter faltou alguém para empurrar a bola, que cruzou a área do Zequinha, para o fundo da rede. 

Até os 39 minutos, o Inter havia finalizado oito vezes, nenhuma na direção da meta defendida por Fábio. E o Colorado teve a chance de garantir a vitória, já que Eduardo Sasha driblou Wágner e foi derrubado no limite da área.

O próprio camisa 9 foi para a cobrança do pênalti, mas desperdiçou. O goleiro do Zequinha caiu para o lado direito e, com os pés, impediu o gol de Sasha, que cobrou rasteiro no meio.

FICHA TÉCNICA
INTERNACIONAL 0 X 0 SÃO JOSÉ-RS


Data-hora: 16/04/2016, às 16h20
Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS)
Árbitro: Daniel Bins (RS)
Assistentes: Max Augusto Vioni (RS) e Fabrício Lima Baseggio (RS)
Renda/Público: R$ 661.375,00 / 16.777 pagantes (20.057 presentes)

Cartões amarelos: Paulão, Vitinho, Alex (INT); Jô, Wágner, Fábio (SJO).
Cartão vermelho: Não houve.

Gols: -

INTERNACIONAL: Alisson; Fabinho, Paulão, Ernando e Artur; Fernando Bob, Anderson (Gustavo Ferrareis, 34'/2ºT), Eduardo Sasha, Andrigo (Alex, 26'/2ºT) e Vitinho; Aylon (Alisson Farias, 17'/2ºT) - Técnico: Argel Fucks.

SÃO JOSÉ: Fábio; Bindé, Wagner, Éverton Alemão e David; Felipe Guedes, Rafael Carrilho (Carlos Eduardo, Intervalo), Rafinha e Diego Torres (Guilherme Augusto, 41'/2ºT); Jô e Heliardo (Chico, 31'/2ºT) - Técnico: China Balbino.