Presidente do Guarani - Horley Senna

Horley Senna, presidente do Guarani, não quer a contratação de mais um goleiro (Foto: Divulgação)

RADAR/LANCE!
20/12/2016
17:45
Campinas (SP)

O Guarani segue se preparando para disputar a Série B do Campeonato Brasileiro e a A2 do Paulista no ano que vem. A equipe do técnico Ney da Matta, no entanto, ainda não está pronta e uma divergência entre a comissão técnica e a diretoria pode atrapalhar os planos para 2017. 

Depois de oficializar a contratação de Flaysmar, ex-Guaratinguetá, Ney da Matta ainda sente a necessidade de contar com mais um goleiro no seu elenco. O treinador, porém, tem a ideia barrada pela diretoria, uma vez que Leandro Santos renovou com o Bugre, e Passarelli, promessa da base, também foi mantido no grupo campineiro.

Desta forma, o Guarani já conta com três atletas para a posição no ano que vem e ainda se apega na regulamentação do campeonato, que só permite a inscrição de três goleiros nos 28 jogadores selecionados para disputar a Série A2 do Paulista. 

Apesar de barrar a vontade do treinador, a diretoria bugrina deve seguir atrás de reforços. A tendência é que o clube anuncie pelo menos mais um jogador até o fim desta semana. Até o momento, seis jogadores foram contratados e 11 são remanescentes da última temporada.