Paraná x Luverdense

Paraná fez um péssimo segundo tempo e permitiu a virada. (Divulgação/Paraná)

Guilherme Moreira
17/06/2016
23:01
Curitiba (PR)

Após sair na frente do placar, o Paraná levou a virada na segunda etapa e perdeu para a Luverdense por 2 a 1 nesta sexta-feira, na Vila Capanema, pela décima rodada da Série B. O time paranaense saiu de campo vaiado e sob protestos da torcida.

Com novo treinador, o time paranista adotou uma sistema tático diferente: a saída do 4-4-2 tradicional para o 4-2-3-1. Na escalação, Martelotte apostou no meia Murilo atuando como segundo volante para melhorar a saída de bola.

A equipe da casa adiantou a marcação e, em duas oportunidades, conseguiu roubar a bola, mas falhou no passe final. Bem fechada atrás, a Luverdense pouco se arriscava no ataque e compensava no sistema defensivo brecando as investidas do adversário.

Mas, aos 28, Murilo roubou e carregou a bola no meio-campo, avançou e chutou colocado no canto direito de Gabriel Leite, abrindo placar. 1x0. A resposta veio dois minutos depois. Jean Patrick recebeu quase da entrada da área e mandou uma bomba na trave.

O Tricolor chegou a fazer o segundo aos 35, mas foi anulado. Válber, dentro da área, disputou com a zaga pelo chão e cruzou na medida para Lúcio Flávio, na pequena área, cabecear para o gol. O atacante, entretanto, estava impedido.

Na segunda etapa, a Luverdense chegou com perigo aos 5. Em cobrança de escanteio, Airton subiu mais alto que os zagueiros paranistas e cabeceou no travessão. Com 7, Ricardo avançou e chutou forte em cima de Marcos, que espalmou para fora.

A igualdade saiu no lance seguinte. Em nova batida pelo lado, Airton dessa vez não errou a meta e, de cabeça, marcou. 1x1. Na saída da bola, quase a virada. Hugo arrancou pela esquerda e bateu cruzado, com o goleiro afastando.
Dois minutos após o empate, a pressão resultou em outro gol. Escanteio do mesmo local, desvio no meio da área e Hugo, sozinho dentro pequena área, cabeceou para as redes, virando o marcador. 2x1.

Perdido em campo, o Tricolor oferecia muito espaço e, na base do contra-ataque, a Luverdense criava inúmeras chances de aumentar o placar. Jean Patrick recebeu de Hugo em velocidade e bateu para difícil defesa do camisa 1, aos 16. Na sequência, Airton mais uma vez pulou sozinho para cabecear nas mãos de Marcos.

Com 21, Hugo driblou Pitty com facilidade e bateu cruzado na trave, desperdiçando nova oportunidade. Aos 24, Paulinho cruzou, Jean Patrick ajeitou para Sergio Mota na área, que chutou por cima da trave. Quatro minutos depois, Raul cruzou na cabeça de Ricardo, que mando para fora.

Desorganizado e na base do chutão, a equipe paranista não se achou no segundo tempo e ainda teve que escutar protestos da torcida durante os últimos 15 minutos. O adversário, administrando o duelo, apenas esperou a partida acabar.

Com a derrota, o Paraná cai para a décima segunda colocação, com 13 pontos - a Luverdense pula para sétimo, com 16 pontos. Na próxima rodada, o Tricolor enfrenta o CRB na terça-feira, às 19h15, no Rei Pelé, enquanto a equipe alviverde recebe o Sampaio Corrêa no mesmo dia, às 21h30, no Passo das Emas.

FICHA TÉCNICA
PARANÁ 1X2 LUVERDENSE

Local
: Vila Capanema, em Curitiba (PR)
Data-Hora: 17/6/2016 - 21h (horário de Brasília)
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ)
Assistentes: Gabriel Conti Viana (RJ) e João Luiz Coelho de Albuquerque (RJ)
Público/renda: 1.665 pagantes /R$ 22.060,00
Cartões amarelos: Kazu, Sergio Mota (LUV)
Gols: Murilo (28/1ºT) (1-0), Airton (8/2ºT) (1-1), Hugo (10/2ºT) (1-2)

PARANÁ: Marcos; Leandro Silva (Diego Tavares), Pitty, João Paulo (Zé Roberto) e Fernandes; Anderson Uchôa, Murilo e Válber; Robson, Henrique (Marcelinho) e Lúcio Flávio. Técnico: Marcelo Martelotte.

LUVERDENSE: Gabriel Leite; Raul, Airton, Everton e Paulinho; Kazu, Ricardo e Jean Patrick (Da Matta); Régis (Rafael Silva), Hugo e Sérgio Mota (Douglas Baggio). Técnico: Júnior Rocha.