Maicon é apresentado no Grêmio (Foto: Rodrigo Fatturi/Grêmio)

Maicon chegou ao Grêmio em março e logo se firmou como titular e capitão (Foto: Rodrigo Fatturi/Grêmio)

Bruno Grossi
23/11/2015
07:55
São Paulo (SP)

As negociações entre São Paulo e Grêmio pelo volante Maicon avançaram muito nos últimos dias. Os gaúchos, sem condições financeiras de bancar os R$ 9 milhões exigidos, aceitaram incluir atletas no pacote para comprar o meio-campista emprestado pelos paulistas, que analisam os nomes de dois garotos da base gremista para concluir as tratativas: Raul  e Júnior.

O LANCE! apurou que os jovens estão no radar do Tricolor há tempos e que ainda não há consenso sobre qual dos dois será pedido na troca por Maicon. Raul é lateral-direito e tem 18 anos, enquanto Júnior é lateral-esquerdo e tem 19 anos. Na próxima temporada, os paulistas podem perder o ala direito Bruno para o Flamengo e, na esquerda, Carlinhos e Reinaldo não gozam de muito prestígio com os torcedores são-paulinos.

O segundo jogador a ser incluído na troca também não está definido, mas deve ser um atleta com mais experiência no elenco gaúcho. O São Paulo chegou a fazer consultas sobre Pedro Geromel, Walace e Luan, mas o Grêmio refutou imediatamente. O meia uruguaio Maxi Rodríguez, de 25 anos e que foi emprestado duas vezes nas últimas temporadas, é uma das opções analisadas pela diretoria tricolor. O pacote ainda deve ter o pagamento de R$ 2 milhões, já que nenhum nome de peso deve ser inserido.

Apesar da indefinição sobre os nomes, a impressão dos envolvidos é que a situação deve ser resolvida rapidamente. Uma pessoa próxima a Maicon afirma que o humor do volante melhorou nos últimos dias e que isso pode ser um indício de que a permanência no Grêmio está cada vez mais próxima. Antes, o jogador não escondia o incômodo com a dúvida sobre o futuro e chegou a declarar publicamente que não aceitaria voltar ao São Paulo.