Airton do Botafogo e Arão do Flamengo

Airton e Willian Arão vêm sendo extremamente importantes para suas respectivas equipes nesta temporada

LANCE!
15/07/2016
07:00
Rio de Janeiro (RJ)

Diferentes, mas nem tanto. Identificados com seus atuais clubes e com passado nos rivais, os volantes Airton e Willian Arão duelam neste sábado, no clássico Botafogo x Flamengo, no Estádio Luso Brasileiro. Os dois vivem bons momentos e são alguns dos destaques do futebol carioca nesta temporada. Não à toa, eles estão em lua de mel com suas respectivas torcidas. 

Airton virou jogador profissional em 2008, pelo Flamengo, pelo qual conquistou alguns títulos. O principal deles foi o Campeonato Brasileiro do ano seguinte, no qual teve papel importante, como 'cão de guarda' e 'carregador de piano'. Depois de negociado com o Benfica, ele voltou ao Rubro-Negro em 2011, onde permaneceu até fevereiro de 2013. No ano seguinte, ele acertou com o Botafogo, mas enfrentou resistência da torcida, pois era visto como um atleta identificado com o clube da Gávea. Contudo, curiosamente, Airton é botafoguense desde criança.

Aos poucos, após bom período encostado no banco de reservas e muita entrega no campo, Airton ganhou espaço no Glorioso. Neste ano, ele é visto como uma das principais peças da equipe e passou por uma grande mudança. Deixou de ser estigmatizado como um jogador violento e passou a ser peça fundamental no esquema defensivo. Além disso, passou a sair jogando com muito mais qualidade e faz, por vezes, a função de armador no time de Ricardo Gomes.

Arão também mudou muito com o tempo. Antes um reserva pouco aproveitado no Corinthians e volante sem brilho em times de menor investimento, ele mudou completamente de patamar no Botafogo, em 2014. Indicado por René Simões, foi um dos destaques do Glorioso no ano passado, com muita qualidade na saída de bola e também na chegada ao ataque. 

Diferentemente de Airton, Arão é 'persona non grata' no Botafogo. Isso por causa da saída conturbada dele do clube de General Severiano. Após uma disputa judicial, ele acertou com o Flamengo, onde vem se destacando e sendo apontado como o melhor reforço do clube neste ano. Apesar da pouca idade - 24 anos - Arão é o atual capitão do Rubro-Negro e está adaptado ao time da Gávea, onde já marcou seis gols. 

Em meio a semelhanças e diferenças, os dois farão um duelo à parte neste sábado. No início do ano, revoltada com Arão, a torcida do Botafogo chegou a pedir para Airton 'quebrar' o adversário. O volante alvinegro levou tudo na brincadeira e não entrou 'na pilha'.

No duelo entre as equipes no Carioca deste ano, Arão teve atuação apagada, enquanto Airton sofreu uma lesão logo aos sete minutos do primeiro tempo. O que esperar desta vez?