Real Madrid x Kashima Antlers

Dois títulos após o Mundial: mais um motivo para a torcida do Real vibrar (Foto: AFP)

LANCE!
20/12/2016
10:14
Madri (ESP)

Dois após comemorar o Mundial de Clubes, a torcida do Real Madrid ganhou outro motivo para vibrar. Desta vez, fora dos gramados. Nesta terça-feira, a Corte Arbitral do Esporte (CAS) anunciou que a punição ao clube madrilenho em não poder inscrever jogadores foi reduzida para seis meses.

Com isso, o Real poderá a registrar os eventuais reforços já a partir de junho de 2017, e não mais apenas em 2018 - como estava previsto antes da decisão da CAS. A multa a ser paga à Fifa também diminuiu de 360 mil francos suíços (R$ 1,15 milhão) para 240 mil francos suíços (R$ 770 mil).

Via site oficial, os Merengues se pronunciaram, esbanjando insatisfação. O clube espanhol frisou a "injustiça da sanção imposta pela Fifa", além de lamentar a "falta de coragem" da CAS para anular a pena. 

Em setembro deste ano, a entidade que rege o futebol havia anunciado a suspensão dos arquirrivais Real Madrid e Atlético de Madrid de duas janelas de transferência. O motivo da punição: irregularidades na contratação de jogadores menores de idade.

O clube colchonero, por sua vez, não apelou à comissão e, por isso, ainda aguarda uma resolução final do caso.