Jogadores comemoram gol de Cristiano Ronaldo contra o Eibar (Foto: Ander Gillenea / AFP)

Jogadores comemoram gol de Cristiano Ronaldo contra o Eibar (Foto: Ander Gillenea / AFP)

LANCE!
29/11/2015
14:58
Eibar (ESP)

O Real Madrid conseguiu um excelente resultado neste domingo. Os Merengues visitaram o Eibar e venceram por 2 a 0. Gareth Bale voltou a marcar após longo jejum. O outro gol foi marcado pelo português Cristiano Ronaldo, de pênalti, já na parte final da partida.

Com o resultado, o Real diminui a diferença para o Barcelona na tabela de classificação e chega a 27 pontos. Os catalães seguem na liderança folgada, com 33, após venceram no sábado a Real Sociedad. Em segundo está o Atlético de Madrid, que bateu o Espanyol por 1 a 0.

O técnico Rafa Benítez mudou novamente o time do Real Madrid. Sem Isco, suspenso, e Marcelo, Varane e Sergio Ramos machucados, ele optou por Kovacic no meio, Danilo na esquerda e Nacho na zaga. O início do jogo, no entanto, foi de muito estudo, sem que as equipes levassem perigo à meta adversária.

A primeira oportunidade foi com Cristiano Ronaldo, que parou no goleiro Risego. No rebote, Kovacic perdeu boa chance, com o gol aberto. Os Merengues seguiam com maior posse de bola, mas pecavam no último passe. Os lances mais incisivos eram bem raros.

Se faltava criatividade na armação das jogadas, o gol só poderia sair de uma jogada de bola parada. Modric levantou na área e Bale desviou para abrir o placar.

A segunda etapa começou, mas a inspiração não foi vista em campo. Tanto o Real quanto o Eibar eram burocráticos e não criavam nada. Rafa Benítez tentou dar mais movimentação e tirou James Rodríguez para a entrada de Lucas Vázquez. Cristiano Ronaldo, contudo, seguia apagado, o que prejudicava o setor ofensivo merengue.

Em um lance isolado, o Real chegou ao segundo gol. Lucas Vázquez tentou drible na área e foi derrubado. Cristiano Ronaldo foi para cobrança e não desperdiçou: 2 a 0. No fim, Benzema, que entrou na parte final da partida, teve boa chance pela esquerda, que saiu raspando a trave de Risego. Fim de jogo, três pontos na conta do Real.