Alejandro Dominguez (Foto: Divulgação)

Alejandro Dominguez retira a placa 'da impunidade' da sede da Conmebol (Foto: Divulgação)

RADAR/LANCE!
02/02/2016
10:01
Luque (PAR)

O novo presidente da Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol), eleito na última terça-feira, o paraguaio Alejandro Domínguez, retirou da sede da entidade, em Luque, no Paraguai, uma placa que representava a inviolabilidade do local. A placa estava no local desde 1997, após o Congresso do país ter aprovado uma lei que dava ao local um status que é dado a embaixadas e de consulados, por exemplo. Esta lei impedia que autoridades policiais e judiciais fizessem quaisquer buscas no prédio onde são tomadas as principais decisões do futebol sul-americano.

- Infelizmente esta lei paraguaia foi mal utilizada no passado. Hoje reafirmamos as nossas práticas de total e absoluto rechaço das práticas de corrupção e eliminamos esta placa que denominamos da impunidade - disse Domínguez, ao site da Conmebol, afirmando também que o gesto dele é uma demonstração de que a entidade agora seguirá um novo rumo.

Apesar de a placar ter estado no prédio até esta segunda-feira, desde julho do ano passado, o presidente do Paraguai, Horacio Cartes, assinou um decreto para a retirada do statos de inviolabilidade da sede da Conmebol.