HOME - Zidane é o novo técnico do Real Madrid (Foto: Gerard Julien/AFP)

HOME - Zidane é o novo técnico do Real Madrid (Foto: Gerard Julien/AFP)

POOL/RADAR/LANCE!
04/01/2016
18:02
Paris (FRA)

A caminhada de Zinedine Zidane até ser anunciado como técnico do Real Madrid, que aconteceu na tarde desta segunda-feira em Madri, foi relembrada pelo jornal francês L'Équipe com uma compilação de dez frases.

A publicação se dividiu desde o início da caminhada do astro francês na carreira até o momento em que estava pronto para assumir o comando de uma equipe principal. Confira as declarações abaixo:


Carreira como treinador:

- Quando eu parei (de jogar em 2006) não pensava na carreira de treinador - foi a declaração dada por Zidane durante um documentário exibido pelo Canal
+ em 2014.

- Acredito que precisamos tomar decisões em Silêncio. Me fiz a seguinte pergunta: é isso mesmo que eu quero? A resposta era sim. A partir de então se pensa um passo de cada vez - disse Zidane ao L'Équipe em 2012, quando revelou o desejo de ser treinador e iniciou sua preparação.

- Dirigente ou treinador? É algo que estou aprendendo ainda. Precisa se trabalhar duro - afirmou em entrevista em 2013, quando estava fazendo os cursos para exercer a função.

Virar treinador principal:

- Aceitaria o desafio - afirmou em janeiro de 2014, quando era auxiliar de Carlo Ancelotti e se dizia pronto para ser treinador principal.

- Eu vi Jean-Louis Triaud que tinha vindo para Madrid. Discutimos (...) Ficou claro para mim, ele me disse que alguns jogadores estavam vindo. Ele me fez uma proposta que fiz a minha decisão e eu não me arrependo da minha escolha - foi a afirmação dada em setembro de 2014, quando já era treinador do Real Madrid B e recusou uma proposta do Bordeaux.

- Eu não estou completamente pronto. Ao mesmo tempo, um treinador nunca está completamente. Se esperarmos até que todas as luzes estão verdes, nunca vai. Mas tranquilos (risos). Eu estou no meu caminho. Vai levar tempo vai demorar - afirmou em junho do ano passado, quando Rafael Benitez foi anunciado como treinador do Real Madrid.

A forma como trabalha: 

- Apesar de eu ter convicções, mesmo que eu saiba o que eu quero, eu estaria ouvindo, porque o pessoal que vou escolher serão competentes, quem tenho total confiança, e em um ponto que eu quero ter a sua opinião - afirmou em 2014 em documentário do Canal +.

- Ser treinador é estar sozinho - disse em entrevista a France Football em junho do ano passado.

- Descobri que, para o bem comum, nós tivemos que aprender a dizer aos jogadores as coisas que eles não estavam prontos para ouvir. Se você é bom com os caras, isso não acontece. Eu descobri que eu poderia chorar em um vestiário no intervalo e isso teve um efeito positivo ... Eu raramente faço porque eu acho que eu tenho uma autoridade natural que não me trazer de volta - afirmou também em entrevista a France Football.

- Quero que minha equipe jogue com a posse de bola. Que as jogadas comecem com o cara lá atrás, e quem em poucos toques se crie uma situação de gol. Vou trabalhar com números - afirmou.