LANCE!
29/10/2016
14:08
Vitória (ESP)

Cristiano Ronaldo voltou a ser Cristiano Ronaldo neste sábado. O português, que vinha apagado na temporada após lesão na final da Eurocopa, marcou três gols na goleada do Real Madrid sobre o Alavés, fora de casa, por 4 a 1. E ainda perdeu um pênalti. Morata fez o outro. Além do gajo, outro destaque foi o lateral Marcelo, que atuou bem na defesa e ainda deu duas assistências para os companheiros.

Com o três gols, Cristiano Ronaldo chegou a seu 38º hat-trick na história do Campeonato Espanhol, ultrapassando Lionel Messi, que tem 37 pelo Barcelona.

Com o resultado, o Real segue na liderança do Campeonato Espanhol, agora com 24 pontos. A segunda colocação é do Sevilla, que empatou com o Sporting Gijón e tem 21. O Barcelona, com 19, ainda joga na rodada com o Granada. O Alavés fica em 13º, com dez.

O Real entrou em campo com alguns desfalques. Sergio Ramos, Modric e Casemiro, ainda lesionados, não atuaram. Carvajal, suspenso, deu lugar a Danilo. Por outro lado, o trio BBC foi titular.

Em casa, o Alavés entrou como time grande. Foi para cima, dando calor no poderoso Real Madrid. E abriu o placar. Em jogada pela esquerda de Hernández, a bola passou por Navas e por Varane, mas não pelo brasileiro Deyverson, que dominou e chutou para marcar. Logo em seguida, o Real chegou a balançar as redes com Bale, mas o gol foi anulado por impedimento.

O Alavés seguia com a postura ofensiva. Mas acabou penalizado por um erro do árbitro. Em cobrança de falta de Bale, a bola bateu na cabeça de Deyverson, mas o juiz deu pênalti, alegando toque no braço. Cristiano Ronaldo bateu com perfeição e empatou.

Os anfitriões não ficaram acuados com o gol. O Real perdeu Pepe, que sentiu problema muscular e deu lugar a Nacho. E Cristiano Ronaldo queria jogo. Movimentava-se, aparecia para receber a bola. Em uma delas, Benzema tocou e o gajo finalizou de fora da área. Com um desvio na zaga, matou o goleiro Fernando Pacheco. Era a virada dos Merengues.

Assim como na primeira etapa, o Alavés não se intimidou por jogar contra o Real. Com menos de um minuto, Camarasa apareceu de frente para o gol, mas Navas fez excelente defesa. O goleiro costarriquenho seria novamente testado, em chute de Deyverson.

O jogo ficou mais morno, com as duas equipes mais contidas, sem tanto ímpeto como no primeiro tempo. Mas o Real Madrid achou um pênalti, sofrido por Cristiano Ronaldo em lance de escanteio. Desta vez, o gajo bateu à meia altura, mas Fernando Pacheco pegou.

O pênalti perdido pelo português acendeu o Real, que queria logo matar logo o jogo para ficar isolado na liderança do Espanhol. E chegou ao terceiro gol após linda assistência de Marcelo para Morata, que tocou por cobertura por cima do goleiro. E cabia mais. Em outro passe do lateral brasileiro, Cristiano Ronaldo se livrou do zagueiro e bateu forte, para marcar o seu terceiro gol na partida, o quinto no campeonato.