Valencia x Chelsea - Youth League (Foto: Divulgação)

Sivera, goleiro do Valencia, fica desesperado com a arbitragem (Foto: Divulgação)

LANCE!
23/02/2016
15:22
Surrey (ING)

O Chelsea eliminou o Valencia nesta terça-feira da Liga dos Campeões Sub-19, em Cobham, estádio que fica no centro de treinamento dos Blues. Porém, a partida ainda vai gerar uma grande discussão. Após o empate em 1 a 1, o jogo foi para os pênaltis, e os espanhóis foram eliminados sem perder nenhuma cobrança. Acabou caindo por um grave erro do árbitro suíço Adrien Jaccottet, com direito a Terry e Paulo Ferreira nas arquibancadas.

O Chelsea converteu sua primeira cobrança com Colkett, e logo depois veio a polêmica. Alberto Gil cobrou no cantinho. Mas foi tão no cantinho, que bateu no ferro interior da baliza, e e depois foi para fora. Gol. Mas o árbitro ficou na dúvida na hora, hesitou e foi consultar o seu auxiliar, que determinou que não entrou.

Depois das reclamações, ninguém mais errou nenhuma cobrança, e quando o Chelsea converteu o quinto, o árbitro encerrou o jogo decretando vitória inglesa. Os jogadores do Valencia foram reclamar demais, e a própria comissão técnica do time teve que conter os seus atletas.

Ao fim do jogo, a repercussão foi enorme. Rúben Vezo, Alcácer, Gaya, jogadores do time principal do Valencia, além do técnico Gary Neville, publicaram no Twitter suas revoltas, e o próprio perfil oficial do Chelsea admitiu que a bola entrou no lance em questão.

Além do Chelsea, o Barcelona é o outro já classificado para as quartas de final. Ao contrário da Liga dos Campeões, os confrontos de mata-mata são em encontros únicos. Outros seis jogos ainda acontecem nesta fase. Ainda na terça, o Real Madrid recebe o Manchester City, enquanto o Anderlecht joga em casa contra o Dínamo de Zagreb.

Os outros jogos, todos na quarta-feira, são: PSV x Roma, Paris Saint-Germain x Middlesbrought, Pribram x Benfica e Lyon x Ajax.