Bernardo Coimbra
20/11/2015
10:20
Rio de Janeiro (RJ)

Impressionante como o Fluminense caiu de produção no segundo turno do Campeonato Brasileiro. O time fechou o turno no G4, deu esperança para os seus torcedores, mas não passou disso. Como consequência, despencou na tabela e ainda corre risco de rebaixamento à Série B.

As chances, é clara, são pequenas, mas se alguém parar, sentar e fizer as contas, o Fluminense pode terminar a 38ª e última rodada do Campeonato Brasileiro na zona de rebaixamento.

Imagino que jogadores como Fred, Diego Cavalieri, Gum, Magno Alves, entre outros, não desejam passar por essa humilhação.

O sofrimento pode ser encerrado na partida de domingo, contra o Avaí, em Cariacica, no Espírito Santo. Derrotando os catarinenses, ninguém precisa mais fazer conta. Ao mesmo tempo, uma vitória ajudará o rival Vasco, que luta desesperadamente contra o rebaixamento.

Particularmente eu não acredito na queda do Tricolor, mas ninguém pode brincar com a matemática. Vale lembrar, caso o Fluminense não consiga os pontos necessários contra Avaí ou Internacional, no Maracanã, que a rodada derradeira será diante do Figueirense, no Orlando Scarpelli, em Florianópolis. Lembrando que os catarinenses também estão lutando contra o rebaixamento. Vai quer sofrer mesmo, Fluminense?

Que o Fluminense acorde, perceba que o rebaixamento ainda é uma coisa real e acorde para a vida. Impressionante como o Tricolor preferiu sofrer até o fim. Não tem Portuguesa e Flamengo para ajudar este ano, como em 2013.