João Mércio Gomes
26/10/2017
00:19
Rio de Janeiro (RJ) 

O esquema implantado com Richard de primeiro volante e Douglas a frente deu certo. Sem o camisa 8, lesionado, Abel optou por Orejuela no lugar de Wendel com uma explicação: marcar as subidas de Willian Arão pela direita. Justamente assim saiu o gol do Flamengo que decretou a derrota tricolor no Maracanã.

- Justamente por conta dessa entrada do Arão que Orejuela foi escalado e o gol saiu dessa maneira. Nosso primeiro tempo é para esquecer. Passamos 45 min correndo atrás do Flamengo, atrasando a bola para os zagueiros. Pressionavam, a gente atrasava para o goleiro e dava chutão. Não conseguimos sair - explica Abel Braga na coletiva pós-jogo.


O primeiro tempo foi para se esquecer. Mas, no segundo, houve uma melhora. E é por isso que Abel acredita que a classificação está em aberto para próxima quarta-feira.

- Não podemos reclamar de nada porque a derrota foi causada no nosso primeiro tempo, inteiramente vencido pelo Flamengo. Mas é um jogo de 180 minutos. Melhoramos muito e tivemos controle do jogo, bola na trave, chute do Scarpa. Nós temos objetivos e você conquista nos sonhos - disse o treinador, que brincou após.

- Hoje é um dia que tem que meditar. Fazer uma análise lá dentro no subconsciente.