Zé Ricardo

Zé Ricardo concedeu entrevista coletiva no Ninho do Urubu (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)

Paulo Victor Reis
10/02/2017
13:07
Rio de Janeiro (RJ)

O Flamengo terá força máxima no clássico contra o Botafogo, neste domingo, no Estádio Nilton Santos. Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, no Ninho do Urubu, técnico Zé Ricardo confirmou que vai escalar o que tem de melhor. O atacante colombiano Orlando Berrío deve ficar no banco de reservas, enquanto Mancuello deve ser mantido na equipe titular.

- Tivemos este dia de hoje trabalho tático hoje (sexta-feira), mas foi um trabalho curto, ainda estávamos num período regenerativo. Amanhã (sábado), vamos encerrar a preparação. Berrío ainda não se encontra nas melhores condições, jogou 30 minutos na partida passada (contra o Grêmio) e sentiu bastante. Mas se ele tiver condições, poderá ser aproveitado durante o jogo. Fizemos um programação de usar, nos primeiros cinco, seis jogos da temporada, o que temos de melhor para levar ao campo - disse o treinador.

Dessa maneira, o Flamengo deve ir a campo com Alex Muralha, Pará, Réver, Vaz e Trauco; Rômulo, Arão e Diego; Mancuello, Everton e Guerrero. 

Durante a entrevista, Zé Ricardo foi perguntado sobre qual nota daria para o Flamengo neste início de temporada. O Rubro-Negro venceu os quatro jogos oficiais que disputou, mas ainda pode melhorar, na opinião do treinador.

- É difícil falar de nota, são poucos dias de trabalho, os jogos têm um caráter de preparação. Nenhuma das equipes está nos seus 100%, fico feliz porque entendemos que o futebol tem de ser feito de equilíbrio. A nota é complicada, mas seria uma nota boa, com consciência sabendo que é insuficiente para nos manter e elevar o nosso nível, precisamos estar em constante evolução - comentou o técnico do Flamengo. 

Apesar do Botafogo indicar uma equipe reserva no clássico de domingo, Zé Ricardo espera uma partida muito complicada no Nilton Santos.

- Assim como na partida contra o Grêmio, sabemos que é um jogo complicado. O Grêmio nos colocou diante de alguns problemas no segundo tempo. Não esperamos diferente contra o Botafogo, dentro de casa, motivado pela classificação na Libertadores. Não tenho dúvidas de que vai vir uma equipe muito forte, que já tem uma identidade, uma maneira de jogar. Sem dúvida, eles vão oferecer muitas dificuldades para nós. Se não entrarmos focados, teremos dificuldades. Não tenho dúvida que o jogo de domingo vai nos marcar uma medida para fazermos os ajustes necessários para continuar evoluindo na temporada - comentou o treinador.

RESERVAS TREINAM FINALIZAÇÕES

Boa parte do treino do Flamengo foi fechado à imprensa na manhã desta sexta-feira, no Ninho do Urubu. Os jornalistas puderam acompanhar somente a atividade técnica, de finalizações, somente com os reservas em campo. O único titular presente era o goleiro Alex Muralha.