Eduardo Bandeira de Mello, presidente do Flamengo (Foto: Igor Siqueira)

Eduardo Bandeira de Mello espera voltar a jogar no Maracanã no final de setembro (Foto: Igor Siqueira)

LANCE!
02/08/2016
16:20
Rio de Janeiro (RJ)

Sofrendo com viagens atuando em diversos locais do Brasil este ano, O Flamengo já trabalha com uma data para retornar ao Maracanã, que está entregue para a organização da Olimpíada. Em entrevista ao programa 'Seleção SporTV', Eduardo Bandeira de Mello, presidente do Fla, disse que pretende enfrentar o Cruzeiro,  pela 27ª rodada do Brasileirão, no dia 25 de setembro, no estádio.

-Eu tenho esperança de no dia 25 de setembro estar jogando contra o Cruzeiro no Maracanã. Nós temos um contrato em vigor até o final do ano e temos o direito de jogar lá. Tenho certeza que esse nosso direito será contemplado - disse o mandatário.

Para evitar que o Flamengo sofra mais uma vez no futuro sem uma casa, Bandeira de Mello reafirmou o desejo do clube de assumir a administração do Maracanã. Segundo ele, o clube tem totais condições de ser o gestor do estádio e acredita que essa seja a melhor solução para todos.

- O Flamengo tem interesse e tem todas as condições para isso. Acredito que não exista nenhuma solução melhor, seja do ponto de vista técnico ou do esportivo, que o Flamengo assuma, com seus parceiros, a gestão do Maracanã. Acho que será a melhor solução não só para o torcedor, mas também para o contribuinte - afirmou Bandeira, garantindo que todos os outros clubes ainda poderão atuar no estádio.

- Vamos trabalhar para ter o estádio em definitivo, com seus parceiros. O Fluminense será bem-vindo, todos os clubes que quiserem jogar no Maracanã na administração do Flamengo, serão bem-vindos. O Maracanã é a casa do futebol. Só que nós entendemos que não há solução melhor para o Maracanã do que ter a administração do Flamengo. Em termos de administração, nós sabemos o que estamos falando - completou.

Faturamento maior do que a dívida em 2016

Além de abordar o tema Maracanã, o presidente do Flamengo também falou sobre as finanças do clube. Bandeira de Mello falou que este ano o Rubro-Negro vai faturar um valor maior do que a sua dívida.

- Em 2016 fecha menos que R$ 400 milhões. Quando assumimos o Flamengo a dívida era de R$ 750 milhões e o faturamento era de 200 e alguma coisa, bem menos de R$ 300 milhões. Se você comparar a dívida líquida do clube com o faturamento, você tinha 750 para 200, em 2012. Em 2016, vamos fechar a dívida com menos de 400 e o faturamento mais de 400. Pela primeira vez o faturamento anual do Flamengo vai ser mais que o estoque da dívida. A recuperação financeira do Flamengo segue a passos largos - afirmou - disse Bandeira no 'Seleção SporTV'