Paulo Bento - Cruzeiro

Paulo Bento (à direita) tenta fazer o Cruzeiro engatar na temporada (Foto: Washington Alves/Light Press

LANCE!
11/06/2016
12:50
Belo Horizonte (MG)

O técnico Paulo Bento fará seu primeiro clássico diante do Atlético-MG, no próximo domingo, às 16h, no estádio Independência. A expectativa do treinador da Raposa é que o time esteja melhor preparado para a partida e que busque os três pontos para subir na tabela de classificação.

Paulo Bento negou estar nervoso com a partida, mas, sim, determinado a arrumar a equipe para o jogo. Porém, o treinador fez questão de exaltar a semana cheia para o trabalho e reconheceu a importância do clássico para os jogadores do Clube.

- Não bate este nervosismo, bate a forma de preparar o time de forma idêntica aos outros, tivemos oportunidade de ter a semana cheia, não fizemos mais palestras que fizemos em outros jogos, por isso disse que seria um jogo idêntico a todos os outros. Reconheço que pode ter impacto para os jogadores do clube, mas para se jogar, na estratégia do clube, é um jogo preparado como outro qualquer. A diferença é que tivemos uma semana para preparar para o jogo. Há dois clássicos, que vale seis pontos, nunca vi nenhuma equipe em nenhum campeonato alcançar com algum objetivo com seis pontos. Nos últimos anos que o Cruzeiro foi campeão, não ganhou os clássicos. Então temos de saber qual é a melhor satisfação, ganhar título ou o clássico. Mas reconheço que para as pessoas pode ser encarado de maneira diferente - disse o treinador.

- Independente do tempo que temos para trabalhar, o objetivo é melhorar o que a gente tem feito em cada jogo. É natural a gente querer alterar para melhorar em relação ao que aconteceu menos bem no jogo anterior. Foi o que fizemos na semana. Consolidar a forma de jogar e criar estratégia para o jogo - completou.

Sobre o clássico, o treinador ganhou as opções de Bruno Ramires, Rafael Silva e Mayke. O treinador falou sobre os jogadores e a possibilidade de usá-los na partida, porém ressaltou que a decisão de escalação será decidida somente no último treino preparatório que acontecerá neste sábado.

- A questão da aptidão deles para o jogo, teremos que ver, analisar. É verdade que todos eles têm situação diferente, processo diferente, o Bruno teve parada mais curta, sua ausência foi por um jogo. A questão do treino também foi pequena. O Rafael com ausência maior e o Mayke com ausência maior ainda e um processo, desde o início da temporada, uma falta de regularidade de treinos e jogos. Por isso vamos analisar todos os detalhes e situações de cada jogador e amanhã tomaremos a decisão dos atletas selecionados para o jogo - finalizou Bento.