Jô, do Corinthians

Jô se recupera de lesão muscular (Foto: Daniel Augusto Jr)

Guilherme Amaro
04/10/2017
18:42
São Paulo (SP)

Após folga na segunda e terça-feira, o elenco do Corinthians se reapresentou na tarde desta quarta, no CT Joaquim Grava. O técnico Fábio Carille comandou uma atividade leve em campo e ainda não pôde contar com Paulo Roberto e Jô, dúvidas para o jogo contra o Coritiba, dia 11 de outubro, na Arena, pela 27ª rodada do Brasileirão.

Paulo Roberto está afastado desde que sentiu dores na coxa direita, em 15 de setembro, enquanto enquanto Jô trata uma contratura na panturrila esquerda sofrida na semana passada. A dupla, inclusive, ignorou a folga do restante do elenco e foi ao CT Joaquim Grava intensificar os tratamentos (o volante na terça-feira, e o atacante na segunda).

A expectativa do departamento médico é de que os dois tenham condições de reiniciar a rotina de trabalhos em campo nesta pausa do Brasileirão por conta das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. Até o jogo contra o Coritiba, o elenco não terá mais folgas.

Caso tenha condição, Jô retomaria a posição ocupada por Kazim na partida contra o Cruzeiro, no último domingo. Paulo Roberto, brigaria pela vaga de Gabriel, suspenso por dois jogos em razão do gesto obsceno no clássico diante do São Paulo. Camacho, Fellipe Bastos, Marciel e Ameixa estão na disputa.

No treino desta quarta-feira, também não foram a campo Vilson e Danilo. Os dois têm alternado trabalhos no gramado e na parte física: o zagueiro por conta da cirurgia no joelho esquerdo realizada em março, e o meia em razão de uma lesão muscular na panturrilha esquerda. Já o zagueiro Léo Santos, em recuperação de pubalgia, apenas correu em volta do gramado.

Os outros desfalques da atividade foram Cássio, Balbuena e Romero, que estão com suas seleções. Do trio, o atacante é desfalque certo contra o Coritiba, já que está suspenso. O goleiro e o zagueiro ainda aguardam para ver se vão atuar pelas Eliminatórias no dia 10 de outubro, véspera do duelo do Timão.

Cheio de desfalques, o técnico Fábio Carille comandou duas atividades em campo reduzido, com mini gols e sem distinção entre titulares e reservas. Na primeira parte, eram cinco contra cinco em espaço bastante reduzido. Na reta final, foram dez contra dez, sendo que os goleiros Walter, Matheus Vidotto e Caíque França atuaram na linha.

O time branco teve Fagner, Pedro Henrique, Moisés e Arana; Gabriel e Camacho; Jadson, Pedrinho e Clayson; Kazim.

Já o time azul teve Leo Príncipe, Walter, Pablo e Marciel; Ameixa e Fellipe Bastos; Marquinhos Gabriel, Maycon e G. Augusto; Rodriguinho. Os goleiros Matheus e Caíque atuaram como curingas, pelas duas equipes.

O Corinthians volta a treinar na tarde desta quinta-feira, no CT Joaquim Grava. Os desfalques certos para o jogo contra o Coritiba são Fagner, Gabriel e Romero, suspensos.