Roberto celebrou o título no gramado de São Januário (Foto: Reprodução)

Roberto de Andrade celebrou o título no gramado de São Januário (Foto: Reprodução)

LANCE!
20/11/2015
01:38
Rio de Janeiro (RJ)

O Corinthians passou por momentos conturbados em 2015. As eliminações na Paulista e na Libertadores entristeceram os torcedores, porém as saídas de Petros, Fábio Santos, Guerrero e Sheik no meio da temporada fizeram parecer que o ano seria perdido para o clube do Parque São Jorge. Mas não. O elenco deu conta do recado - para alegria do 'patrão' Roberto de Andrade - e sagrou-se campeão brasileiro nesta quinta-feira, após empatar com o Vasco, em São Januário.

- Isso não é desmontar um elenco de 32. Perdemos peças importantes, mas ganhamos outras que viraram importantes. Desacreditados como Vagner Love, que a imprensa toda batia nele, e ele levantou a cabeça, continuou trabalhando, fez o gol hoje que me deixou muito feliz por ter sido ele. Você ganhou Uendel, Arana. Poucos torcedores tem saudade de Sheik e Guerrero, isso é bacana. As peças vão se encontrando, dando certo. Foi o que aconteceu - celebrou o presidente do Corinthians.


Durante a campanha no Brasileirão, as manchetes foram divididas entre vitórias e salários atrasados. As dívidas, porém, ainda não foram quitadas com todo o elenco. Dinheiro não sobrou no Corinthians neste ano, mas a diretoria busca a renovação de alguns jogadores e quitar as pendências com o elenco.

- Dinheiro não te faz ser campeão brasileiro. O que faz é um conjunto, é ter um treinador com a competência que temos, um grupo, a forma como conduz esse grupo, a forma como faz uma renovação, a forma como fala não para uma renovação. Não é que você tem uma atitude com uma atleta e diferente com outro. Tem que ter uma conduta igual com todos dentro de uma coerência, procuro ser justo dentro das possibilidades financeiras do clube (...) Sair como campeão brasileiro é indescritível - concluiu o presidente do hexacampeonato. 

HOME - Vasco x Corinthians - Campeonato Brasileiro - Vagner Love (Foto: Wagner Meier/LANCE!Press)
É hexa! Corinthians arranca empate com Vasco e é campeão Brasileiro de 2015