Gabriel Carneiro
03/11/2016
12:04
São Paulo (SP)

Pelo segundo dia consecutivo, o meia-atacante Guilherme não participou dos treinamentos do Corinthians em campo e dessa forma virou dúvida para o clássico deste sábado, às 19h30, contra o São Paulo. O camisa 10 não atuou na última rodada do Brasileirão porque estava suspenso, mas voltaria normalmente no fim de semana. Em "manutenção física", segundo o clube, ele realizou um trabalho físico na academia e viu Oswaldo de Oliveira esboçar nova escalação sem ele. A tendência é de que ele treine na sexta-feira.

Giovanni Augusto também havia sido baixa no treinamento de terça-feira, mas retornou às atividades desta quarta na vaga de Camacho, que passou aos reservas. Assim, Willians entra na equipe para exercer a função de primeiro volante e dar força à marcação. Além de Guilherme no comando de ataque, a outra dúvida do Corinthians é justamente no outro extremo do campo: Walter fez um treino separado do restante dos goleiros e segue em tratamento de dores na coxa direita. Caso as dores cessem até sábado, ele joga. Caso contrário, Cássio fica como titular. 

Nesta quarta, Oswaldo treinou o time com a seguinte formação: Cássio; Fagner, Vilson, Balbuena e Uendel; Willians; Marquinhos Gabriel, Giovanni Augusto, Rodriguinho e Marlone; Romero. O dia teve treino coletivo, e os seguintes jogadores formaram a equipe de reservas: Matheus Vidotto/Douglas/Caique; Léo Príncipe, Léo Santos, Pedro Henrique e Guilherme Arana; Cristian e Camacho; Léo Jabá, Lucca e Rildo; Gustavo. Cinco jogadores "sobraram" e treinaram à parte: Mantuan, Ameixa, Marciel, Jean e Isaac.

Oswaldo espelhou a formação do São Paulo com o time reserva e testou situações de jogo no treinamento. O comandante trabalhou bastante a bola parada defensiva, fundamento que o Corinthians vem pecando e que causou os seis últimos gols sofridos pela equipe, no Brasileirão e na Copa do Brasil. O coletivo foi vencido pelos titulares por 1 a 0, com gol de Marlone em jogada pelo lado esquerdo do ataque. 

Os titulares ainda realizaram um trabalho de finalizações e um dos reservas, o volante Camacho, deixou o gramado com dores na perna direita.