LANCE!
31/05/2016
21:00
São Paulo (SP)

O Corinthians levou o inédito título de campeão da Copa do Brasil sub-17 na noite desta terça-feira. O troféu veio após vitória por 2 a 0 sobre o Sport, no Pacaembu, com gols de Antonio Guilherme e Vitinho.

O Timão entrou em campo com postura ofensiva, ditando o ritmo de jogo com ótimas trocas de passe e chegadas perigosas à área do time pernambucano. Mas havia o goleiro Everton no meio do caminho, que fez pelo menos três grandes defesas, evitando que a equipe da casa abrisse o placar.

Até então o Sport não conseguia trocar passes com qualidade, a metade do campo era o limite de atuação quando o Corinthians não dava espaços para o adversário jogar. Nessas poucas chances em jogadas de contra-ataque, os pernambucanos desperdiçaram as chances, principalmente com Caio, lateral-esquerdo, que chutou duas vezes para o gol, sem perigo.

Na volta do intervalo, o jogo parecia ter ficado mais equilibrado, o Sport tinha acertado a marcação e construía melhores ações de ataque. Foi nesse momento, aos nove do primeiro tempo, que o Corinthians abriu o placar. Após bate e rebate na área em cobrança de escanteio, a bola sobrou para Antonio Guilherme chutar para o gol.

Com o baque, o Sport se mexeu, trocou dois jogadores e novamente aparentava melhorar. No entanto o Corinthians reagiu e alterou nomes de seu ataque. Um deles foi Vitinho que, iluminado, aos 19 minutos, recebeu passe açucarado na área e tocou na saída do goleiro para ampliar. O atacante havia acabado de entrar.

Melhor e mais compacto na partida, o Timão administrou a vantagem e segurou a bola no ataque contra um Sport que já havia acusado os dois golpes que recebeu. O time rubro-negro não parecia ter forças para mudar o cenário e ainda teve Caio expulso no fim do duelo.

Como a partida de ida da decisão terminou empatada em 2 a 2, a vitória corintiana por 2 a 0 foi suficiente para que o título ficasse na capital paulista.

Foi a quarta edição da história da Copa do Brasil sub-17. Anteriormente, Vitória, Atlético-MG e São Paulo haviam sido campeões, com Botafogo, Grêmio e Flamengo como vices. Entre 2008 e 2012 a competição foi organizada pela Federação Capixaba, com dois títulos do Internacional, um do Vasco, um do Cruzeiro e um do Atlético-PR.

A decisão do torneio de base teve presenças ilustres nas arquibancadas do Pacaembu. Quase toda a cúpula da diretoria do Corinthians marcou presença: o presidente Roberto de Andrade, o diretor adjunto de futebol Eduardo Ferreira e o coordenador técnico Alessandro. O coordenador das categorias de base da Seleção Brasileira, Erasmo Damiani, também apareceu no estádio para acompanhar a decisão vencida pelo Corinthians.