Corinthians x Corinthian -Casuals - Gil (Foto: Reginaldo Castro/ LANCE!Press)

Gil disse que resolveria sua situação apenas ao voltar ao Brasil (Foto: Reginaldo Castro/ LANCE!Press)

Bruno Cassucci
18/01/2016
18:16
Enviado especial a Orlando (EUA)

Depois de vender Jadson, Ralf e Renato Augusto, o Corinthians deve perder mais um jogador para o futebol chinês. O Timão aceitou a última oferta do Shandong Luneng (CHI) pelo zagueiro Gil, de 28 anos, e deve confirmar a transferência nos próximos dias.

O clube de Parque São Jorge, que tem 90% dos direitos econômicos do jogador, pedia 10 milhões de euros para vendê-lo (cerca de R$ 44 milhões na cotação atual).

Joseph Lee, representante do Shandong Luneng no Brasil, havia estipulado esta segunda-feira como prazo final para as negociações e confirmou ao LANCE! que o desfecho foi positivo aos chineses.

- Não podemos tratar como fechado antes de assinar o contrato, mas a proposta foi aceita. Quero dizer que a conversa é boa, mas antes de colocar no papel não posso falar que está fechado - disse.

- Está tudo encaminhado, os detalhes que faltam são pequenos. Sobre valores, você tem que perguntar ao Corinthians - completou o agente.

O defensor está com o Timão nos Estados Unidos fazendo pré-temporada. No último domingo, questionado se aceitaria jogar na China caso houvesse acordo entre os clubes, ele disse que resolveria a situação apenas quando voltasse ao Brasil, na próxima semana, juntamente de sua família.

Gil chegou ao Corinthians em 2013 e tem contrato até o fim de 2019. Neste período ele venceu o Paulistão e a Recopa Sul-Americana de 2013, e o Brasileirão do ano passado.

Antes de Gil, o Corinthians já havia perdido o zagueiro Edu Dracena, que rescindiu contrato amigavelmente e se transferiu para o Palmeiras. Além do trio vendido à China, o Timão também negociou Vagner Love com o Monaco (FRA).