Rafael, goleiro do Cruzeiro (Foto: Alexandre Loureiro/Light Press)

Goleiro pegou o pênalti de Cárdenas e ajudou o Cruzeiro no Barradão (Foto: Alexandre Loureiro/Light Press)

RADAR/LANCE
23/10/2016
19:32
Belo Horizonte (MG)

Com pelo menos três defesas difíceis no Barradão e um pênalti defendido já no final do jogo, o goleiro Rafael foi, sem dúvidas, o nome do jogo entre Cruzeiro e Vitória. O time mineiro venceu por 1 a 0 com gol de Ariel Cabral, mas sofreu pressão do clube baiano durante praticamente toda a etapa final, já que Léo foi expulso no início do segundo tempo. Na saída de campo, o arqueiro celeste celebrou a ótima fase abaixo das traves e seu quarto pênalti defendido em cinco oportunidades como profissional.

- Eu já conhecia sim (as cobranças do Cárdenas). Muitos jogadores optam por bater no meio nessas situações, pela fase em que se encontram. Eu sabia que ele poderia fazer a cobrança no meio, eles estavam perdendo o jogo, partida de confronto direto. Eu pude esperar e graças a Deus deu tudo certo – comentou.

Substituto de Fábio, Rafael também é um dos responsáveis pela boa fase defensiva do Cruzeiro. Além de garantir a vitória, o goleiro ajudou o time a sair de campo pela quinta vez seguida sem levar gols no Brasileirão.

- O Rafa vem aproveitando as oportunidades. Ele tem sido muito importante nos jogos e foi decisivo neste jogo aí – elogiou o companheiro Willian.