Flamengo x Corinthians

Flamengo x Corinthians: briga marcou a partida antes do seu início (Foto: Wagner Assis/Eleven/Lancepress!)

LANCE!
23/10/2016
18:32
Rio de Janeiro (RJ)

A torcida do Corinthians entrou em confronto com a polícia cerca de meia hora antes de a partida com o Flamengo começar na tarde deste domingo, no Maracanã, que voltou a receber jogos de clubes após ter ficado à disposição do Comitê Rio 2016.

Alguns integrantes de facções organizadas do clube paulista tentaram se aproximar de uma grade que os dividia da torcida carioca. Haviam poucos policiais no setor e logo a pancadaria começou, com os torcedores dando socos e pontapés, enquanto os policiais revidavam com golpes de cassetetes. Um dos instrumentos, inclusive, foi tomado pela torcida. Foi necessária então a utilização de gás de pimenta por parte da segurança para afastar os corintianos. Uma das grades que separava os dois setores chegou a ser arrancada e por pouco não houve uma briga com os flamenguistas.

Houve muita correria no setor e um torcedor, ao tentar escapar da confusão, pulou em uma das entradas de acesso. Ele sofreu escoriações leves. Com o aumento do efetivo policial, uma barreira com 12 homens passou a ficar entre a torcida do Corinthians e a grade.

Flamengo e Corinthians poderão ser punidos pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva pelo acontecido. O clube carioca foi condenado por briga entre seus torcedores e palmeirenses, em Brasília. O presidente do Rubro-Negro, Eduardo Bandeira de Mello, afirmou ao Premiere sobre o caso.

- Se é que vocês podem chamar isso de torcedores. Seis, sete torcedores, entre aspas, agredindo um PM. A gente não vai acabar com isso enquanto não identificar os torcedores que fazem isso nos estádios - disse.