Ana Canhedo
27/08/2016
18:34
São Paulo (SP) 

O Corinthians foi derrotado por 2 a 0 pela Ponte Preta, no Moisés Lucarelli, e corre risco de deixar o G4 do Brasileirão. O zagueiro paraguaio Balbuena foi expulso com 18 minutos de partida, o que prejudicou demais a equipe. Por isso, teve a pior avaliação do confronto. Os melhores em campo foram três jogadores da Macaca e seu técnico, Eduardo Baptista. Confira as notas: 

PONTE PRETA 

6,5
Aranha

Sem complicações no gol. Fez partida tranquila e boa defesa no fim.

6,5
Nino Paraíba

Bom apoiador. Apresentou soluções ofensivas. 

6,5
Douglas Grolli

Sem problemas no campo de defesa. Pouco exigido pelo rival.

6,5
Fábio Ferreira

Assim como o companheiro, não foi exigido atrás.

6,5
Reinaldo

Assim como Nino, apresentou-se bastante à frente. Marcou bem.

6,5
Abuda

Partida lúcida no campo de defesa. Seguro na marcação. Foi bem.

6,5
Wendel

Fez boa partida. Cumpriu papel de aproximar defesa e ataque.

7,5
Rhayner

Foi um dos principais garçons de Roger na partida. Bem postado. Deu assistência para Clayson marcar.

7,0
Thiago Galhardo

Assim como Rhayner, é quem leva o time da Ponte ao campo de ataque. Articulador importante.

7,5
Clayson

Mandou bola na trave de Cássio no primeiro tempo. Marcou golaço no segundo.

7,5
Roger

Teve inúmeras chances de marcar. Escapou bem da marcação e deixou seu gol no primeiro tempo. Vital para a equipe.

6,0
Willian Pottker

Substituto de Roger, teve poucas chances de marcar.

6,0
Matheus Jesus

Manteve a qualidade da Ponte em campo. Tranquilo.

––
Léo Cereja

Jogou pouco tempo.

7,5
Eduardo Baptista

Montou um esquema 4-2-3-1 eficiente. Ponte impôs sua maneira de jogar e venceu com facilidade.

CORINTHIANS

5,5
Cássio

Vacilou no primeiro gol ao parar no meio do caminho, mas não foi culpado direto. Nada pôde fazer para evitar o segundo gol.

5,5
Fagner

Foi bastante incomodado pelo ataque da Ponte Preta. Obrigado a marcar mais, chegou pouco à frente.

4,5
Yago

Afobado em alguns lances da partida. Defesa do Corinthians se complicou em vários momentos com o ataque da Ponte.

3,0
Balbuena

Expulso de campo com 18 minutos de jogo, prejudicando demais a equipe. Falta clara em Roger próximo à área.

6,0
Uendel

O mais incomodado com o resultado. Tentou arrancada no primeiro tempo, chutou a gol no fim e se mostrou firme na marcação.

4,5
Cristian

Devagar em campo. Aceitou a pressão da Ponte do começo ao fim e ficou travado no meio-campo corintiano.

4,5
Rodriguinho

Não conseguiu apresentar soluções diante de um jogo complicado. Não organizou, tampouco ajudou o meio.

4,5
Marquinhos Gabriel

Não conseguiu ajudar o Corinthians a sair de trás. Atuação apagada. Não contribuiu com a equipe em 47 minutos.

4,5
Elias

Quase não tocou na bola durante o jogo. Apagado, não se apresentou como opção e tampouco organizou o time.

5,0
Marlone

Até tentou chamar a responsabilidade pelo seu lado do meio e ataque, mas esteve discreto e não conseguiu ser efetivo.

5,5
Guilherme

Sacrificado com a expulsão de Balbuena, saiu de campo aos 21 minutos. Não conseguiu mostrar seu futebol no primeiro tempo.

4,0
Pedro Henrique

Lento na marcação no primeiro gol da Ponte Preta, não fechou espaço de Roger. No segundo, foi driblado por Clayson na área.

4,5
Romero

Recebeu amarelo por tentativa afobada de marcação. Afoito, entrou para tentar resolver e pouco apresentou ao time.

4,5
Lucca

Também entrou para que o ataque do Timão incomodasse. Quase não conseguiu tocar na bola nos minutos em campo.

3,5
Cristóvão Borges

Corinthians não conseguiu incomodar a Ponte em nenhum momento do jogo. Inferior e com pouco recurso à frente.