Jair Ventura

Foi o primeiro empate de Jair Ventura no comando do Botafoog (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)

Vinícius Britto
29/10/2016
21:13
Rio de Janeiro (RJ)

Seja com Sassá, Neilton ou Rodrigo Pimpão. O Botafogo criou chances e chutou muito a gol, mas acabou parando em grande exibição do goleiro Wilson, que fez pelo menos quatro grandes defesas. Mesmo assim, Jair Ventura reconheceu os méritos do Coritiba no empate em 0 a 0, na Ilha. O comandante citou um jogo "congelado" e aproveitou para lembrar do volume de chances do time. 

- Ganhar é sempre melhor. O empate não foi bom. Jogando em casa, com a torcida que compareceu em peso. Criamos bastante oportunidades. Começamos com muita dificuldade, e depois com o Camilo mudando, criamos mais chances. E o Wilson em uma noite muito feliz - disse Jair, que completa:

- Não gosto de dar desculpa. O time lutou, foi competitivo, tivemos chances nos minutos finais. Mas méritos do Coritiba que congelou bem o jogo e conseguiu o empate com o Botafogo - concluiu o comandante alvinegro no pós-jogo.

O tropeço em casa foi o primeiro empate do Botafogo sob comando de Jair Ventura. O time vinha de quatro triunfos com gol depois dos 40 minutos do segundo tempo. No jogo deste sábado, Vinícius Tanque teve a chance, aos 46, mas acabou tendo sua cabeçada defendida por Wilson, o nome do confronto.