Treino do Botafogo - Bruno Silva

Com boa chegada ao ataque, Bruno Silva entrou no time para não sair mais (Foto: Vítor Silva/SSPress/Botafogo)

Felippe Rocha
19/03/2016
07:30
Rio de Janeiro (RJ)

A reformulação do time do Botafogo da temporada passada para a atual exigiu mudanças nos três setores, a entrada de jovens e o ressurgimento de alguns atletas. Há jogadores que ainda buscam afirmação, mas houve um que chegou e já está bem à vontade. Seu nome é Bruno Silva. O volante de 29 anos foi contratado após bom ano de 2015 pela Chapecoense e se tornou homem de confiança do técnico Ricardo Gomes.

- Eu fui muito bem recebido desde o primeiro dia, facilita. O Ricardo dispensa comentários. Conversa, trata todo mundo igualmente. Não tem ninguém mais ou menos importante. Essa é uma função nova para mim. É a primeira vez que tenho mais liberdade - agradece o meio-campista.

Tamanha liberdade é mesmo uma orientação do treinador. Apesar de serem três os volantes, o comandante enxerga qualidade ofensiva em quem protege a grande área de Jefferson. Desta forma, não raramente Bruno Silva e seus companheiros mais próximos aparecem próximos da grande área adversária.

- Ele me deu liberdade. Assim como dá liberdade para o Airton e para o Rodrigo Lindoso. Eles participaram da jogada do gol contra o Fluminense, por exemplo. Nosso esquema tem três volantes, mas com liberdade - salienta Bruno, que tomou conta da camisa 11 e costuma também fazer jogadas com o lateral-direito Luis Ricardo.

E assim o mineiro de Nova Lima chega ao Rio para, de mansinho, ir se tornando parte da espinha dorsal da equipe alvinegra. Só falta o gol, que saiu apenas em jogo-treino, ainda na pré-temporada. Quem sabe o "batismo" não é neste domingo, contra o Madureira.