LANCE!
16/07/2018
22:48
Rio de Janeiro (RJ)

O reencontro dos torcedores com o Vasco não foi da forma como sonhavam. A vitória até veio, mas o resultado de 2 a 0 contra o Bahia não foi suficiente para evitar uma eliminação nas oitavas da Copa do Brasil. Para o técnico Jorginho, a classificação era difícil e a boa atuação valeu a pena.

- Tenho orgulho de ver meus jogadores e o meu torcedor junto da nossa equipe. Isso vai fazer toda a diferença, essa pressão que é São Januário quando a torcida está junta. O vascaíno pode esperar isso, uma equipe organizada taticamente. Foram poucas oportunidades que eles tiveram, tivemos muito mais. Esse é o Vasco que a gente quer, organizado taticamente e vibrante, com sangue nos olhos. Em casa, isso faz a diferença - afirma Jorginho.

A falta de ritmo de jogo por conta da parada da Copa do Mundo foi sentida pela equipe. Antes mesmo do intervalo, Rafael Galhardo e Ramon saíram lesionados. Além disso, a 'cera' feita pelo time do Bahia também frustrou os planos de Jorginho.

- A gente tem que saber jogar com regulamento. Sei que eles deram seis de acréscimo, mais dois depois, mas (o Bahia) estava realmente tirando nossa paciência. Tentaram de todas as formas atrapalhar. Faz parte do jogo.

O Vasco volta aos gramados já na quinta-feira, contra o Fluminense, pelo Brasileirão. Eliminado da Copa do Brasil, o time de Jorginho ainda tem a Copa Sul-Americana pela frente.

placeholder