Daniel Alves - São Paulo

Daniel havia defendido Diniz após derrota por 5 a 1 para o Internacional (Foto: Paulo Pinto/saopaulofc.net)

LANCE!
02/02/2021
17:30

Em má fase, o meia Daniel Alves vem sendo alvo de muitas críticas da torcida do São Paulo. Defensor e defendido por Fernando Diniz, o futuro do atleta no clube passou a ser questionado após a demissão do treinador. O presidente do Tricolor, Julio Casares, durante coletiva, comentou o caso.


São Paulo se distancia da liderança após sequência sem vitórias. Veja a tabela!

- O Daniel Alves é um grande atleta, capitão do nosso time, o camisa 10. É um grande jogador e tem contrato com o São Paulo. Nós esperamos que ele continue com a sua disposição e entrega. Ele que é um campeão internacional, um nome renomado que, para nos honrar, veste a nossa camisa. Portanto, nós contamos com ele, sim.

Daniel tem contrato com o São Paulo até dezembro de 2022, porém o Tricolor tem algumas pendências com ele, como luvas e direitos de imagem. Casares, no entanto, garante que isso não será problema:

-Toda e qualquer pendência financeira existente será resolvida internamente.

Sem vencer nenhuma partida até o momento em 2021, o São Paulo decidiu demitir, nesta segunda-feira (1), o treinador Fernando Diniz. Daniel era jogador de confiança do técnico e defendeu Diniz no comando da equipe, inclusive elogiando seu trabalho durante uma entrevista coletiva após a derrota por 5 a 1 para o Internacional, que fez o Tricolor perder a liderança do campeonato.

Com uma sequência de seis partidas sem vitória no Brasileirão, o São Paulo ocupa, hoje, a quarta posição do campeonato, sete pontos atrás do líder Internacional.