Nilson - Santos

Nilson foi apresentado no CT Rei Pelé após ter disputado o Paulistão pelo São Bento (Foto: Divulgação)

LANCE!
12/12/2015
16:36
Santos (SP)

Fora dos planos do Santos para 2016, o atacante Nilson não conteve as lágrimas ao se despedir dos companheiros do clube, que defendeu desde o início do Campeonato Brasileiro de 2015. Criticado e até xingado por torcedores do Peixe nas redes sociais, por ter perdido um gol de maneira inacreditável na final da Copa do Brasil, sem goleiro, contra o Palmeiras, o centroavante se diz injustiçado.

- Reconheço que errei, mas não acredito que, em cinco minutos, eu possa ter sido o culpado. Agradeço a Deus, a todos, Dorival Júnior, Dagoberto (superintendente de esportes), aos companheiros, que me apoiaram, me deram confiança para jogar. E agradeço aos torcedores, aqueles que sempre apoiaram o time. Não aos outros que só vão para criticar - disse o centroavante em entrevista ao Globoesporte.com.

Negociando com outros clubes para a disputa dos estaduais do ano que vem, o ex-camisa 39 do Santos afirmou que, mesmo após a polêmica do gol perdido e da reação da torcida, ele deseja voltar a vestir a camisa alvinegra no futuro.

- O choro é pela saudade, pelo ambiente que construímos, porque no futebol é muito difícil ter algo assim. Era um ambiente de irmão. Eu tenho um carinho muito grande pelo clube que apostou em mim, desde quando cheguei. Espero um dia voltar e dar alegrias, conquistar títulos.

Nilson foi emprestado ao Peixe e foi dispensado pela diretoria e comissão técnica antes mesmo da última rodada do Campeonato Brasileiro.