Arthur Gomes

Contra o Galo, Arthur chegou a vice-artilharia santista em 2020 (Foto:Ivan Storti/Santos FC)

Fábio Lázaro
12/09/2020
08:00
Santos (SP)

Titular no Santos nas duas últimas partidas, Arthur Gomes tem apostado em sua versatilidade para conquistar o seu espaço com o técnico Cuca.

Atacante de ofício, o prata da casa atuou como meia nas vitórias contra Ceará e Atlético-MG, tendo marcado o primeiro gol no triunfo por 3 a 1 contra o Galo. Essas partidas fizeram com que ele “ganhasse pontos” com o treinador, o que rendeu elogios recentes e até defesa pública de Marinho, um dos líderes do elenco, e artilheiro santista na temporada, através das redes sociais.

Após o duelo diante a equipe mineira, Arthur Gomes, inclusive, garantiu que do meio para frente pode atuar em qualquer setor.

- Do meio pra frente eu não tenho dificuldade. Onde ele quiser me colocar, vou dar meu máximo para ajudar a equipe - disse à Santos TV.

E justamente essa versatilidade pode dar a ele uma vaga no clássico contra o São Paulo, neste sábado (12), às 19h, na Vila Belmiro, pela décima rodada do Brasileirão. A ausência do lateral-esquerdo Felipe Jonatan, único atleta do setor no plantel santista, e que está suspenso por ter levado o terceiro cartão amarelo na última partida, deve movimentar o zagueiro Luan Peres para posição,, recuar Alison para zaga e abrir um espaço no meio. Cuca pode também optar por preservar Pituca, Sánchez, também dando espaço para o camisa 23 na parte central no gramado. No ataque, Arthur pode ser opção caso Marinhos seja poupado ou ganhar o espaço de Lucas Braga pelo lado direito, a sua posição de origem.

Criticado por parte da torcida, o tento anotado por Arthur contra o Galo foi o terceiro dele em 2020, o que o colocou na vice-artilharia santista no ano. Inclusive, uma das vezes que balançou as redes foi justamente diante do Tricolor. Na derrota santista por 2 a 1, de virada, pela décima rodada do Paulistão, no Morumbi, foi dele o único tento alvinegro, no estádio do Morumbi.

No total, o atacante tem 14 jogos em 2020, seis como titular. No elenco profissional do Peixe desde 2016, na última temporada o jogador passou emprestado a Chapecoense, retornando o Alvinegro neste ano.