O Palmeiras foi outro a ser campeão da Libertadores vindo de uma conquista na Copa do Brasil. Acontecem em 1999, quando bateu o Deportivo Cali na final

Palmeiras ganhou a Libertadores em 16 de junho de 1999 e lembrará título nesta quinta (Daniel Augusto Jr/LANCE!)

LANCE!
12/06/2019
18:26
São Paulo (SP)

O torcedor palmeirense que chegar mais cedo para ver o jogo contra o Avaí, marcado para as 20h, nesta quinta-feira, no Allianz Parque, poderá rever antigos ídolos. O clube convidou todos os jogadores da conquista da Libertadores de 1999 para subir ao gramado e receber uma homenagem pelo título, que completará 20 anos no próximo dia 16.

A data foi escolhida porque o confronto desta quinta-feira, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro, será o último antes de domingo, quando se completarão duas décadas da histórica conquista. Depois disso, os compromissos do time principal serão paralisados por conta da disputa da Copa América, a partir desta sexta-feira, retornando apenas em julho.

Depois da homenagem no gramado do Allianz Parque, todo aquele elenco de 20 anos atrás terá à disposição um espaço reservado da arena, sem acesso da imprensa, para assistirem juntos à partida contra o Avaí. O Palmeiras lidera o Campeonato Brasileiro e enfrenta o último colocado da competição.

O Palmeiras de 1999 era comandado por Luiz Felipe Scolari, técnico atual do time. Os goleiros Marcos, Velloso e Sérgio, os zagueiros Júnior Baiano, Cléber, Roque Júnior, Rivarola e Agnaldo, os laterais Arce, Júnior, Neném e Rubens Júnior, os volantes César Sampaio, Rogério, Galeano, Tiago Silva e Pedrinho, os meias Alex, Zinho e Jackson e os atacantes Paulo Nunes, Oséas, Evair, Euller e Juliano formaram aquele elenco.

O único título do Palmeiras na Libertadores ocorreu em 16 de junho de 1999. O Verdão perdeu a partida de ida da final, para o Deportivo Cali, por 1 a 0, na Colômbia, venceu a volta em casa por 2 a 1 (gol fora de casa não era critério de desempate) e, nos pênaltis, ficou com o título.