Brasil na Copa do Mundo de esgrima

(Foto: Divulgação/CPB)

LANCE!
08/11/2018
17:04
Tbilisi (GEO)

Tóquio é logo ali! De olho na classificação para as Paralimpíadas em 2020, a Seleção Brasileira está em Tbilisi, na Geórgia, para a disputa da Copa do Mundo de esgrima. Cinco atletas compõem a delegação verde e amarela na disputa, que se estende desta quinta-feira até o próximo domingo.

O Brasil já marcou presença em quatro edições da Copa do Mundo em 2018; Itália, Hungria, Polônia e Canadá. Todavia, a temporada qualificatória para Tóquio-2020 começou no dia 1º de novembro, tornando a competição na Geórgia a primeira a somar pontos para o ranking paralímpico dos Jogos. O período de classificação se estende até 31 de maio de 2020. 

Jovane Guissone (categoria A) foi o único brasileiro a subir ao pódio em edições anteriores da Copa do Mundo de esgrima, com duas pratas e quatro bronzes. o campeão paralímpico em Londres-2012 perdeu o movimento das pernas em 2004, após levar um tiro em reação a um assalto. 

- A gente tem também boas expectativas para a competição. O Jovane, que é nosso principal atleta, tem chance de medalha nas duas armas, no florete e na espada. Estamos confiantes que vamos levar alguma medalha para o Brasil desta vez também - afirmou Ivan Schwantes, treinador da Seleção Brasileira.

Outros quatro esgrimistas integram a Seleção Brasileira na Copa do Mundo: Vanderson Luis da Silva Chaves (categoria B), Alex Sandro Aparecido de Souza (categoria A), Karina Fernandes Maia (categoria A) e Suelen Rodolpho (categoria B). Os atletas irão competir nas provas de espada e florete.

Passados os compromissos na Geórgia, o último torneio do Brasil em 2018 será a Copa do Mundo de Kyoto (Japão), entre os dias 13 e 16 de dezembro. A expectativa é que a Seleção leve uma delegação maior, com sete atletas.