Cesar Gualdani - Diretor Comercial e de Marketing da Liga PAB – Polo Aquático Brasil

Cesar Gualdani diz que torce por retomada breve das competições no país (Foto: Caio Souza | On Board Sports)

LANCE!
01/07/2020
14:53
São Paulo (SP)

Em tempos de COVID-19, os esportes olímpicos foram afetados diretamente. Ainda sem uma definição para a volta, as Confederações, Instituições e Federações estão adotando estratégias como geração de conteúdo, e campanhas solidárias para driblar a crise e ajudar a sua comunidade.

No caso do Polo Aquático, na última semana a PAB (Polo Aquático Brasil) encerrou sua Campanha Solidária de arrecadação para auxílio e combate à pandemia mundial.

Em acordo com os clubes fundadores e participantes da PAB, foi definido que os clubes entre seus atletas, técnicos, parentes e fãs da modalidade arrecadariam durante três semanas itens de higiene, prevenção e alimentos.

Na 1ª semana, que se iniciou em 25 de maio, o álcool em gel foi o escolhido. Foram arrecadados aproximadamente 500 litros de álcool em gel entre os 13 clubes. Na 2ª semana (1º a 08 de junho), mais de 8.000 máscaras de proteção foram doadas e na última semana, realizada até o dia 15 de junho, em torno de 4 toneladas de alimentos também foram recebidos.

Acredito que a competitividade de todas as equipes que fazem parte da PAB se fez presente em todas as etapas e ainda mais em benefício ao próximo. Esse gesto de união é um conceito que observamos em outras Ligas esportivas ao redor do mundo e deve ser mais um a ser incorporado pelo esporte no Brasil.

Para nós da PAB, todos permanecem como vitoriosos, por terem tido a oportunidade de entregar o seu melhor mesmo neste momento fora d’água. Esperamos em breve desempenhar nosso papel também dentro d'água.

Certamente adoraria dar maiores informações sobre os rumos do Polo Aquático e da Liga PAB, estamos nos atualizando dia a dia sobre a possibilidade de retorno aos treinos e opções para definir as datas para o calendário. Conhecemos a ansiedade de nossos atletas de todas as categorias, quem iria imaginar que uma Olimpíada pudesse ser adiada? Inacreditável!

Pedimos um pouco mais de paciência a todos e torcemos juntos para que em breve possamos retomar gradualmente as nossas atividades.

Quanto a PAB e sua nova gestão, através do Presidente Alessandro Checchinato, utilizamos esta pausa para planejar e estudar novas práticas e sonhos antigos, sugeridos por todos aqueles que torcem pelo Polo Aquático.

Além de investir em geração de conteúdo prioritário e trabalhar com diversas entidades buscando patrocínios para o plano de retomada, estamos trabalhando para o surgimento de um novo esporte no cenário nacional e que deverá ser reconhecido justamente pela união dos clubes que a compõem.

A expectativa de realizar o que planejamos é alta! Algumas iniciativas já estão em curso, outras aguardam mais definições. Vale agradecer o patrocínio de Furnas a PAB para o ano de 2020 e estaremos empenhados na prospecção de outros parceiros que auxiliem na construção do Novo Polo Aquático!

Um abraço e obrigado pelo espaço.

Por Cesar Gualdani é Diretor Comercial e de Marketing da Liga PAB – Polo Aquático Brasil