Coletiva - Odair Hellmann

Ricardo Duarte/Internacional

LANCE!
25/01/2019
14:17
Futebol Latino

Na noite da última quinta-feira, o Internacional foi surpreendido pelo Pelotas no Beira-Rio e conheceu a primeira derrota na temporada. Além disso, o time viu cair um tabu de quase 40 anos sem perder para o rival no Beira-Rio.

Na coletiva de imprensa, o técnico Odair Hellmann seguiu a linha de raciocínio dos jogadores e diretoria. Ele gostou da produção ofensiva de sua equipe, mas aproveitou para valorizar a efetividade do rival, que aproveitou melhor as suas chances.

‘Não gosto de perder. Quando você perde, sai chateado. Tem que doer. Nunca será natural. Mas precisamos entender o quão no início está. Produzimos para vencer. O Pelotas teve duas situações perigosas e fez dois gols. Por isso o futebol é esta paixão. Podem ocorrer tantas circunstâncias como criamos, mas não conseguimos. Temos que dar méritos ao Pelotas e ao Gavilán. Eles competiram muito forte e aproveitaram. Precisamos encontrar soluções nos próximos jogos’, analisou.

Com três pontos na classificação, o Internacional volta a campo no próximo domingo, quando encara o São José, no estádio Passo D’Areia, às 17h (Horário de Brasília).