Pablo

Artilheiro do time, Pablo desperta o interesse de Flamengo, Palmeiras, São Paulo e de clubes da Europa (Foto: Geraldo Bubniak/AGB)

LANCE!
13/12/2018
19:09
Curitiba (PR)

Após garantir o inédito título da Copa Sul-Americana, o Atlético-PR já passa a respirar 2019. O ano será quente para o Furacão, que irá participar de seis competições: Estadual, Copa do Brasil, Campeonato Brasileiro, a Recopa, a Libertadores e a Copa Suruga. Mas mais do que isso, a taça e o desempenho do time atleticano colocam alguns nomes em evidência no mercado.

Os nomes mais em alta são o zagueiro Léo Pereira, o lateral Renan Lodi, o meio-campista Bruno Guimarães, o atacante Pablo e o técnico Tiago Nunes. Destes, o único que tem presença praticamente garantida é o treinador.

- Eu só quero tomar um banho quente e tomar algo que tenha álcool até minha esposa não me aguentar mais. Os vizinhos não vão gostar de mim porque vou ligar um som alto. Mas eu já matriculei a minha fila na escola aqui em Curitiba - disse Tiago Nunes logo após a conquista, sinalizando que irá seguir no Atlético-PR.

Os jovens Renan Lodi e Bruno Guimarães são muito cobiçados pelo futebol europeu. No entanto, a diretoria do Atlético-PR acredita que eles podem se valorizar ainda mais após jogarem uma Libertadores e que o melhor mercado para eles é o de agosto. Mas como clubes como PSG e Juventus estão sondando os jogadores, dificilmente será possível mantê-los caso cheguem propostas tentadoras.

- O meu desejo é ficar aqui. Chega muita coisa que pode mudar minha vida, a vida da minha família, mas a minha vontade é ficar aqui - garante Renan Lodi.

Já Léo Pereira e Pablo são os nomes mais cotados para deixarem o clube. O zagueiro tem propostas do exterior, enquanto o atacante vem sendo constantemente comentado em Flamengo e Palmeiras. Fontes ligadas ao Atlético-PR apontam que o clube deve aceitar uma proposta na casa dos 10 milhões de euros. Pelos valores envolvidos, a tendência é do jogador seguir para o futebol europeu. A reportagem apurou que recentemente um clube da Holanda apresentou uma proposta pelo artilheiro atleticano.

Além deles, têm os meias Raphael Veiga e Guilherme, que estavam emprestados por Palmeiras e Corinthians, respectivamente, e não seguirão no Atlético-PR.