Alexandre Gallo

O treinador do São Caetano, Alexandre Gallo, não tem desfalques por suspensão para hoje (Foto: Fabrício Cortinove)

LANCE!
09/10/2020
11:40
São Paulo (SP)

São Bento e São Caetano darão início à disputa de campeão da Série A2 do Campeonato Paulista na tarde de hoje (9), às 15h, no estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba. As duas equipes já estão classificadas para jogar a divisão de cima do estadual na próxima temporada. O campeão sai do resultado dos dois jogos.

Embalados pela vitória por 3 a 0 contra o São Bernardo, jogando em casa, pelo primeiro jogo da semifinal, o Bentão busca repetir o feito jogando em casa e abrir uma boa vantagem para o jogo de volta. No entanto, o técnico Edson Vieira deve fazer algumas alterações na equipe titular, já que o meia Thiago Primão e o atacante Jair se lesionaram no último jogo da Série C, contra o Ituano. Sávio, Jheimy e Ruan também são dúvidas.

Com isso, o time sorocabano deve ir pro jogo com a seguinte escalação: Lucas Macanham; Alison, Bruno Leonardo, Douglas Assis e Marcelo; Fábio Bahia, Serginho, Denner, Pablo, Igor e Bambam. O São Bento foi campeão em 1962 e busca o bicampeonato da A2.

Do outro lado da decisão, o Azulão busca o terceiro título da divisão de aceso do Campeonato Paulista – a equipe do ABC foi campeã em 2000 e 2017. Sob o comando do técnico Alexandre Gallo, o São Caetano deve ter força máxima para o jogo em Sorocaba. A única dúvida era o zagueiro Domingos, afastado pela diretoria após protestar por atrasos salariais. Após a resolução do impasse, o jogador voltou a estar à disposição de Gallo.

- Serão jogos iguais. Decisão é um caso à parte, sempre uma partida especial. Precisamos fazer o nosso jogo, o mais simples possível. A gente sabe que não terá vida fácil, mas vamos tentar fazer o nosso trabalho – declarou o treinador Alexandre Gallo.

A escalação do Azulão para a partida de hoje, provavelmente, será a seguinte: Luiz Daniel; Alex Reinaldo, Sandoval, Renan Dutra e Dudu; Emerson Santos, Everton Dias, Anderson Rosa, Ronaldo, Eric Di Maria e Joel. O time tenta repetir o feito da semifinal e levar a decisão pra casa, como fez contra o XV de Piracicaba, garantindo a classificação no Anacleto Campanella.

- A única vantagem neste tipo de decisão, sendo em casa ou fora, é o mando de campo. A torcida não está dentro do estádio para nos apoiar, então vejo o fator campo fundamental para a gente sair vitorioso – afirmou o goleiro do Azulão, Luiz Daniel.

O segundo jogo da final está marcado para a próxima segunda-feira (12), às 17h, no Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul. Em caso de empate, o campeão será definido nas penalidades máximas. O recurso do árbitro de vídeo (VAR) será utilizado nos dois confrontos.