City x Aston Villa - Sterling

Sterling foi alvo de ataques racistas após o vice-campeonato da Champions (Foto: Reprodução)

LANCE!
30/05/2021
20:17
Manchester (ENG)

O vice-campeonato do Manchester City na Champions League gerou mais uma onda de ataques racistas a jogadores que atuam na Inglaterra. No final do mês passado, Romaine Sawyers, do West Browmwich, também foi alvo de racismo. Em seguida, uma campanha nas redes sociais mobilizou vários atletas para o fim dos abusos web. Dessa vez, Sterling e Walker receberam comentários preconceituosos.
+ Confira a classificação atualizada do Campeonato Brasileiro!

Segundo o canal por assinatura inglês "Sky Sports", o lateral-direito e o atacante receberam emojis de macacos em seus perfis no Instagram. A rede se posicionou e deletou as contas dos agressores.

- O abuso racista sofrido por esses jogadores na noite passada é abominável e não queremos isso no Instagram - disse um representante do Facebook, empresa dona do Instagram.

- Removemos rapidamente uma série de comentários e contas por quebrarem nossas regras e continuaremos revisando e tomando medidas contra aqueles que violam nossas políticas. Nada resolverá esse desafio da noite para o dia, mas estamos empenhados em fazer o que pudermos para manter nossa comunidade protegida de abusos - completou.

Na última semana, Rashford, atacante do Manchester United, também expôs os ataques racistas que recebeu após o revés para o Valência, pela final da Europa League.

- Pelo menos 70 ofensas raciais em minhas contas sociais contadas até agora. Para aqueles que estão trabalhando para me fazer sentir pior do que já me sinto, boa sorte tentando - publicou o jogador do United.