Paulo André BBB

Presos por um equipamento de segurança, participantes precisavam resistir em pé, sem dormir e sem ir no banheiro (Foto: Reprodução/Globo)

LANCE!
12/03/2022
10:34
Rio de Janeiro (RJ)

O atleta olímpico Paulo André conseguiu resistir a 24 horas na prova de resistência do BBB, reality da Globo, mas acabou perdendo a liderança da competição em um sorteio pré-definido pela produção com pretexto de prezar pela integridade física dos participantes que não poderiam, durante a disputa, beber água, urinar ou dormir. 

P.A, como o velocista é chamado, não gostou da dinâmica e reclamou ao fim da prova. Ele chegou a dizer mais de uma vez que aguentaria ficar mais 48 horas e que estava bem. Tanto ele quanto Scooby, surfista de ondas gigantes, costumam se destacar em provas na competição.

- Fiquei 24 horas inteiro pra não ganhar o bagulho. Pô, qual é mano? Tô muito inteiro. Se botassem 48 horas, eu ficava mais 48 horas. Sortear? Sacanagem demais. É a mesma coisa que eu estar na Olimpíada, correndo. Faltando 20 metros para eu ganhar a prova, o árbitro falar 'para tudo'. Eu estar na frente, vou ganhar medalha de ouro... 'Não vai ter linha de chegada, vamos sortear'. A mesma entrega que eu me entreguei na Olimpíada eu tô entregando aqui. De corpo e alma - disparou o atleta.

Nas redes sociais, os administradores da página do velocista exaltaram sua participação. O post foi compartilhado por Gabigol, atacante do Flamengo, time do coração do atleta. O jogador exaltou a participação de P.A e deu uma cornetada na dinâmica da Globo, que também foi criticada por outros internautas.

- Bem demais! Foi monstro, meu mano! Agora na sorte é sacanagem - disparou o atacante do Flamengo.