Bebeto

Bebeto defendeu o Botafogo em 1999 e foi vice-campeão da Copa do Brasil (Reprodução/Fora de Jogo)

LANCE!
18/05/2022
23:06
Rio de Janeiro (RJ)

O vice da Copa do Brasil de 1999 diante do Juventude foi uma das maiores tristezas para os torcedores do Botafogo. Um dos jogadores do Alvinegro naquela decisão foi o tetracampeão do mundo Bebeto. Em conversa no podcast "Fora do Jogo", o ex-jogador relembrou a decisão e reclamou dos gols anulados do time carioca no jogo de ida, que terminou 2 a 1 para os gaúchos.

Botafogo ultrapassa Fluminense: saiba os clubes do Brasil com mais sócios-torcedores

+ Globo promove mudança no dia padrão de jogo da Libertadores em TV aberta

- A maior decepção que tive no futebol foi a do Botafogo. A gente tinha tudo para ganhar aquele jogo lá. Primeiro que fomos roubados lá contra o Juventude. Fiz o gol, fizemos mais dois com Rodrigo, ele (o árbitro Márcio Rezende de Freitas) diz que eu fiz a falta, nem subi, o cara caiu. O juiz anulou. O outro que ele anulou só ele que viu - disse Bebeto.

+ Renata Fan reverte demissão e garante permanência de parceiro do 'Jogo Aberto' na Band

- Depois teve um jogo, veio me pedir até desculpas por aqueles lances lá, disse que estava pressionado porque parece que tinha errado no Botafogo x Santos em 95. Não sei se o Túlio estava em impedimento ou se a bola bateu na mão. Me pediu desculpas porque depois viu que não foi nada e anulou o gol - completou o ex-atacante.

+ Suárez ficará livre no mercado! 30 jogadores em fim de contrato na Europa que já podem assinar com outro clube

No jogo de volta no Rio de Janeiro, a torcida do Botafogo lotou o Maracanã, mas o time não saiu do 0 a 0 e acabou perdendo o título. Além do Botafogo, Bebeto defendeu outros times brasileiros, como Vitória, Flamengo, Vasco e Cruzeiro. Fora do Brasil, o ex-atacante defendeu Deportivo La Coruña, Sevilla, Toros Neza e Kashima Antlers.