Axel

Daniel (a esquerda), era jogador das divisões de base do São Caetano, time que o pai treinava - Foto: arquivo pessoal/Axel 

LANCE!
23/02/2022
15:10
Santos (SP) 

O acidente que matou o filho do ex-jogador Axel, Daniel Asafi Rodrigues de Arruda, de 14 anos, atleta das categorias de base do São Caetano, ocorreu após uma explosão em um réchaud.

Segundo informações apuradas pelo G1, as chamas do utensílio - que é utilizado para esquentar comida -  entraram em contato com álcool em gel. O acidente ocorreu no último dia 13, na casa do treinador de Daniel, em Santos, durante uma confraternização.

Após o ocorrido, todos foram encaminhados para a Santa Casa de Santos, o ex-jogador Axel e seu auxiliar no São Caetano, Marquinhos Pitbull, tiveram alta médica logo em seguida. O jovem atleta foi o mais atingido pelo incidente, e chegou em estado grave na unidade. 

Após seis dias internado na Santa Casa, Daniel Asafi não resistiu e acabou morrendo nesta terça-feira (22).