Valbuena e Benzema são companheiros na seleção (Foto: Frank Fife / AFP)

Valbuena e Benzema eram amigos e jogavam juntos na seleção  (Foto: Frank Fife / AFP)

LANCE!
04/06/2022
13:52
Paris (FRA)

O atacante do Real Madrid, Benzema, desistiu de recorrer da condenação sofrida por chantagem contra o ex-colega de seleção francesa Valbuena, com um suposto vídeo sexual. Em 2021, o francês foi julgado e setenciado com um ano de prisão e pagamento de multa de 75 mil euros (R$ 383 mil).

A informação foi publicada pelo jornal francês L'Equipe, que entrevistou o advogado de Benzema. Hugues Vigier afirmou que o atleta, que chegou a ficar afastado da seleção, está esgotado com o caso.

- A retirada do recurso ratifica uma decisão condenatória e, aparentemente, de culpabilidade. É uma verdade jurídica, mas que não condiz com a realidade - disse o advogado. 

+ Benzema favorito e Vini Jr bem cotado: veja os postulantes ao prêmio de melhor do mundo 

Benzema foi o único dos cinco condenados a recorrer da decisão. Apesar de sentenciado, o atacante só deverá ser obrigado a cumprir o tempo de prisão se tornar a ser condenado por chantagem. O recurso seria realizado nos dias 30 de junho e 1º de julho em um tribunal de Versalhes, nos arredores de Paris.

Depois do caso, o jogador ficou de fora da seleção por cinco anos e perdeu a chance de estar na Copa do Mundo de 2018, vencida pelos franceses. Benzema voltou a ser convocado e 2020 e, na atualidade, é um dos favoritos ao prêmio de melhor jogador do mundo pela Fifa na temporada.