LANCE!
22/12/2021
12:09
Lisboa (POR)

Nesta quarta-feira, João de Deus, auxiliar de Jorge Jesus, confirmou que houve um encontro entre o treinador com o Flamengo. Contudo, ele revelou que o Mister disse aos dirigentes que não quer e não pode abandonar o Benfica neste momento. De acordo com o auxiliar, eles foram para Portugal ganhar títulos e que "esse propósito se mantém inalterado e cada vez com mais convicção".

> Jorge Jesus acena ao Flamengo, Atlético-MG próximo de Edenílson, Palmeiras mira zagueiro argentino… A Manhã do Mercado!

- Quero vos dizer sem dúvida nenhuma: é verdade que ontem houve um encontro do Mister com os nossos amigos do Flamengo, devidamente autorizado pelo Benfica e com conhecimento do presidente Rui Costa. O Mister disse que não pode e não quer, neste momento, abandonar o Benfica. O Mister quer cumprir o contrato e ganhar títulos. Esse foi o propósito que nos fez vir para Portugal e, portanto, esse propósito se mantém inalterado e cada vez com mais convicção. Que isto fique bem claro para se acabarem com as dúvidas.

- Esta é uma mensagem que me foi transmitida pelo Mister Jorge Jesus há bem pouco tempo na presença do diretor-geral Rui Pedro Braz e do presidente Rui Costa. Portanto, está é uma mensagem fidedigna.

João de Deus também garantiu que as especulações da volta de Jesus ao Flamengo não não desviarão o foco do Benfica para a partida contra o Porto, que acontece nesta quinta-feira, no estádio do Dragão. Por fim, o auxiliar destacou que não há nada mais para acrescentar sobre o assunto.

- Quero dizer mais o seguinte tudo o que foi falado não nos desvia do que queremos: vencer títulos no Benfica. Temos quatro competições em que estamos inseridos e queremos ganhar títulos. Todas as notícias que vieram a público, de certeza absoluta, que não vão desviar foco da equipa do Benfica que tem intuito de ir ao Dragão se classificar às quartas de final da Taça de Portugal. Não há mais nada a acrescentar sobre este tema.

João de Deus - Flamengo
João de Deus é auxiliar de Jorge Jesus (Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)