Rafinha (Cruzeiro)

Rafinha fez o terceiro gol do Cruzeiro na vitória sobre o Tupynambás (Foto: Washington Alves/Lightpress/Cruzeiro)

Valinor Conteúdo
10/02/2019
20:05
Belo Horizonte

O meia-atacante Rafinha é sem dúvida o 12º jogador o Cruzeiro, pois sempre entra nos jogos, seja como titular ou durante as partidas, dando conta do recado quando é chamado por Mano Menezes. E, mais uma vez, Rafinha foi útil ao time, marcando um dos gols da vitória sobre o Tuýnambás, pela sexta rodada do Campeonato Mineiro, e dando uma assistência para o gol de Rodriguinho.

A regularidade poderia colocar Rafinha em condições de reivindicar uma vaga entre os titulares, ainda mais com a lesão de Thiago Neves, que sofreu um estiramento na panturrilha direita, o que o afastará dos campos por tempo indeterminado.

Porém, o camisa 7 da Raposa prefere continuar o seu trabalho firme e sempre estar à disposição de Mano, seja começando o jogo ou sendo acionado ao longo das partidas. Rafinha comemorou a boa atuação em campo e dedicou o gol marcado para o filho, que fez uma cirurgia nas orelhas e pediu um gol para o pai, que conseguiu atender o pedido do pequeno.

- Quero dedicar esse gol ao meu filho que fez uma cirurgia nas orelhas, que teve uma leve complicação, mas está tudo bem..Ele pediu um gol, que pude marcar. E, independentemente de lesões dos companheiros, para abrir espaço, a gente sempre torce para o cruzeiro e vou continuar trabalhando. Se começar jogando ou não, sempre quero ajudar o Cruzeiro - disse.

Rafinha pode estar em campo desde o início diante do América-MG com a lesão de Thiago Neves e caso o meia Robinho continue fora da equipe, pois está fazendo um trabalho de reforço muscular, o que o impediu de jogar neste domingo, contra o Tupynambás.