Corinthians feminino disputará a Libertadores

Time feminino do Corinthians disputará a Libertadores (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

LANCE!
02/03/2021
18:34
São Paulo (SP)

A delegação do time feminino do Corinthians foi impedida de embarcar nesta terça-feira para a Argentina, onde disputará a Libertadores. Isso porque a companhia aérea Turkish Airlines entende que brasileiros não podem ir para a Argentina, por decreto daquele país relacionado ao coronavírus.

O clube divulgou que a diretora Cristiane Gambaré, ainda no Aeroporto Internacional de Guarulhos, conversou com a Conmebol e com a Turkish para tentar embarque ainda nesta noite. Por volta das 19h, o clube foi informado que, de fato, não seria possível o embarque e, como alternativa, foi oferecido uma troca de voo para esta quarta-feira, com as Aerolineas Argentinas.

"O clube informa que condiciona a troca mediante garantias de embarque, já que a espera de cerca de quatro horas no aeroporto causou desgaste para atletas e funcionários e os expôs em um local de grande circulação de pessoas em meio a uma pandemia", diz trecho do comunicado divulgado pelo Corinthians.

Apesar da proibição do governo argentino, atletas e demais funcionários que disputarão a chamada "competição-bolha" poderiam embarcar, porque são testados e isolados.

A equipe estreia nesta sexta, pela Libertadores feminina, contra o El Nacional-EQU, às 17h, no estádio Nuevo Francisco Urbano em Morón, Província de Buenos Aires.